PESQUISA SIMPLEX

Pesquisa Governo PE: saiba quem é o candidato mais rejeitado no estado

Pesquisa Simplex divulgada nesta segunda-feira mostra candidatos em quem os entrevistados "jamais votariam"

Rodrigo Fernandes
Cadastrado por
Rodrigo Fernandes
Publicado em 01/08/2022 às 11:40 | Atualizado em 01/08/2022 às 11:45
Reprodução
Mosaico com pré-candidatos ao Governo de Pernambuco - FOTO: Reprodução
Leitura:

A pesquisa eleitoral Simplex/CBN divulgada nesta segunda-feira (1) perguntou aos eleitores pernambucanos a opinião deles sobre os candidatos ao Governo do Estado nas Eleições 2022.

A curiosidade é que os mais rejeitados, ou seja, aqueles em quem os entrevistados “jamais votariam”, são candidatos que estão liderando as pesquisas de intenção de voto.

O candidato mais rejeitado pelos eleitores foi Miguel Coelho (UB). Do total de eleitores, 21,2% afirmaram que nunca votariam no ex-prefeito de Petrolina.

Na sequência da rejeição, aparecem Marília Arraes (Solidariedade), líder de intenção de votos na mesma pesquisa, e Raquel Lyra (PSDB).

Completam o ranking de mais rejeitados Danilo Cabral (PSB) e Anderson Ferreira (PL), que disputam a segunda vaga no segundo turno contra Marília.

Aqueles que tiveram menor porcentagem de rejeição, mostraram, em contrapartida, maior desconhecimento por parte dos eleitores entrevistados, somando baixa intenção de votos.

Confira os candidatos mais rejeitados ao Governo de PE

  • Miguel Coelho (UB): 21,2%
  • Marília Arraes (SD): 20,9%
  • Raquel Lyra (PSDB): 19,9%
  • Danilo Cabral (PSB): 18,7%
  • Anderson Ferreira (PL): 16,8%
  • Esteves Jacinto (PRTB): 10,1%
  • Jones Manoel (PCB): 9,0%
  • João Arnaldo (PSOL): 8,9%
  • Jadilson Bombeiro (PMB): 8,5%

Neste quesito, os entrevistados deveriam responder se votariam no candidato exposto usando as seguintes alternativas: “Com certeza”, “Poderia votar”, “Jamais votaria” ou “Não conhece o suficiente”.

Metodologia da pesquisa

A pesquisa Simplex/CBN foi realizada entre os dias 18 e 22 de julho, por telefone, entrevistando 1.067 eleitores. A pesquisa foi registrada no TSE sob o código PE- 06161/2022.

Comentários

Últimas notícias