Oposição no ataque

Alcides Cardoso diz que oposição vai monitorar gastos de mais de R$ 6 milhões da gestão João Campos com decoração natalina

Líder da oposição na Câmara dos Vereadores acompanha gastos da PCR até no Natal

Imagem do autor
Cadastrado por

Jamildo Melo

Publicado em 13/11/2023 às 13:53 | Atualizado em 13/11/2023 às 16:30
Notícia
X

O líder da oposição na Câmara do Recife, o vereador Alcides Cardoso (PSDB), apresentou, nas redes sociais neste último domingo (12), um levantamento que aponta que a Prefeitura do Recife terá um gasto estimado de R$ 6,2 milhões com a decoração natalina da cidade.

Com dados do Portal de Compras da gestão municipal e das licitações realizadas pela Fundação de Cultura Cidade do Recife (FCCR), o parlamentar informou, por exemplo, que a árvore da Avenida Agamenon Magalhães tem um custo de R$ 601 mil.

“A Prefeitura do Recife está gastando mais de R$ 6 milhões na decoração natalina e o nosso mandato, através da ferramenta Calculadora do Recife, está acompanhando passo a passo as licitações e as execuções do projeto para que todos os cidadãos tenham o direito a saber como o seu dinheiro é gasto. Estamos cumprindo o papel de um vereador - fiscalizar o Poder Executivo - para garantir o bom uso dos recursos numa cidade com tantas necessidades. Esse é o nosso trabalho e assim seguiremos”, afirma Alcides Cardoso, citando a plataforma do seu mandato, criada para monitorar os gastos do Executivo.

O monitoramento do Calculadora do Recife, plataforma do líder da oposição, revelou também os valores da iluminação e elementos da Agamenon, R$ 1,67 milhão, da Avenida Boa Viagem, R$ 744 mil, bairro do Recife, R$ 720 mil e dos elementos do Parque das Graças, R$ 398 mil.

Já a licitação da decoração da Rio Branco Vila, Casa e Pórtico ainda está em andamento, mas o valor de referência é de R$ 955 mil.

"É importante que a cidade fique bonita, mas os contratos precisam ser bem executados e os recursos do pagador de impostos precisam obedecer também às necessidades reais da cidade. Não abriremos mão desse acompanhamento", afirmou o vereador. Após a publicação do custo da decoração natalina, como é de costume aparecem críticas nas redes sociais ao gasto e cobranças até da atuação dos órgãos de controle, como Ministério Público.

Tags

Autor