Guia Rota 232 contempla 95 estabelecimentos de Pernambuco

Publicado em 14/06/2012 às 21:00
Leitura:
Nesta quinta-feira (14/06), a Secretaria de Turismo de Pernambuco (Setur-PE) lançou o seu novo guia, o Rota 232: gastronomia, artesanato e outras dicas culturais, no restaurante Manauê, no bairro de Casa Forte. A publicação engloba 95 estabelecimentos que estão localizados ao longo dos 553 km de extensão desta rodovia que é considerada a “espinha dorsal” do Estado. “A nossa maior satisfação é poder ajudar a consolidar os equipamentos turísticos listados no guia. O objetivo deste nosso guia não é ser um roteiro definitivo para o turista que percorre a 232, mas sim, servir como apoio para que as pessoas saibam onde fazer uma boa refeição ou que lugares seriam interessantes de visitar naquela região”, explica o secretário de Turismo Alberto Feitosa. Vários proprietários de estabelecimentos estiveram presentes no lançamento do guia e o entusiasmo era notável em cada rosto. “A partir do momento em que o nosso estabelecimento fica mais visível aos olhos dos novos clientes, teremos sempre mais a crescer. Essa publicação é maravilhosa e por ser gratuita se torna ainda melhor”, afirma Lidiane Santos, proprietária do Arte Café & Confeitaria, em Gravatá. “Nosso atelier melhorou muito mais, o guia ajuda no desenvolvimento da cultura local e faz com que cresçamos a cada dia”, explica José Lopes, mamulengueiro e proprietário do Atelier do José José Lopes, também conhecido como Zezinho do Mamulengo. Além de restaurantes, bares, centros de artesanato, lojas e pontos turísticos, o guia também traz algumas opções de hospedagem para todos os gostos. Os equipamentos turísticos contemplados no guia são quatro na Zona da Mata, 65 no Agreste e 26 no Sertão. Os municípios estão divididos entre as regiões, na Zona da Mata são eles: Moreno, Glória do Goitá, Vitória de Santo Antão e Pombos; no Agreste, Gravatá, Bezerros, Sairé, Caruaru, São Caetano, Belo Jardim, Sanharó e Pesqueira; e no Sertão, Arcoverde, Custódia, Serra Talhada, Salgueiro e Parnamirim.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias