Pernambuco revela potencial para franquias

Publicado em 04/10/2012 às 21:00
Leitura:
O mercado de franquias de Pernambuco possui 52 franqueadores, com uma rede de 1.094 unidades, entre próprias e franquias. Juntas, todas essas unidades faturam anualmente cerca de R$ 540 milhões de reais e geram aproximadamente cerca de 6.270 empregos diretos. Os dados são da Rizzo Franchise – empresa que há mais de 20 anos realiza pesquisas sobre o mercado do Franchising em toda a América Latina. Segundo o estudo, a perspectiva de crescimento para o Estado em 2012 é de 9,8%. Dentre os setores que mais possuem franqueadores em Pernambuco estão: em primeiro lugar, Alimentação Fast Food, com 26,9% do total. Em segundo lugar vem o setor de Saúde & Beleza, com 17,3% do total e em terceiro no ranking do setor com maior número de franqueadores está o de Vestuário, com 11,5% do total. “Não é à toa que muitos franqueadores estão de olho no mercado de Pernambuco para instalar novas unidades. O Estado está em 11º lugar no ranking das melhores cidades para a instalação de franquias no Brasil e, além de Recife, as cidades de Olinda e Jaboatão dos Guararapes também aparecem no estudo que aponta o ranking das 100 melhores cidades para franquias do Brasil”, explica Marcus Rizzo, proprietário da Rizzo Franchise e autor da pesquisa. Um exemplo de rede consolidada e que busca candidatos em Pernambuco para sua expansão é a Onodera, maior rede de clínicas de estética corporal e facial do país, que pretende abrir 2 unidades no Estado até o final do ano. A rede, que faturou R$ 64 milhões no ano passado está inserida no setor de Saúde & Beleza, apontado pela Rizzo Franchise como o segundo em maior número de franqueadores de Pernambuco. Segundo Lucy Onodera, diretora da rede Onodera, a procura pela franquia tem aumentado a cada ano. “Por dia, recebemos cerca de 20 pedidos de consultas para a compra de franquias de várias partes do Brasil e, por isso, acreditamos que este ano vamos intensificar nossa presença, principalmente nos Estados do Nordeste”, explica.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias