Volta da sibutramina deve aumentar vendas da Torrent

Publicado em 14/06/2013 às 23:00
Leitura:
A decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária, Anvisa, de manter a sibutramina – medicamento e combate à obesidade – no mercado brasileiro, vai beneficiar a Torrent no País. A empresa, que comercializa o Slenfig, um dos primeiros similares da substância a entrar no mercado nacional, espera uma forte retomada das vendas do medicamento, até porque a sibutramina é uma das poucas substâncias liberadas para o combate à obesidade. Quando lançou o produto, em 2008, a Torrent pretendia obter 10% deste mercado, que chegou a movimentar US$ 96 milhões no Brasil em 2007, caindo para US$ 40 milhões em 2012, devido à polêmica criada em torno da comercialização da sibutramina. Em 2012, a Torrent já tinha 13% do segmento e, agora, planeja chegar a 15% até 2014. Segundo a empresa, a decisão da Anvisa deve se refletir no aumento da confiança dos pacientes, pois os médicos já conheciam a segurança do produto. A obesidade é um problema que assume altas proporções no País. Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revelam que 49,6% da população estão acima do peso e 13,9% são obesos. Multinacional, a Torrent do Brasil está no País há dez anos e tem como proposta vender medicamentos similares a preços até 60% mais baratos em relação às marcas de referência.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias