Hora do pesadelo

Carlyle Paes Barreto
Carlyle Paes Barreto
Publicado em 04/10/2012 às 19:17
Leitura:
Waldemar Lemos vem trabalhando bem o extracampo no Sport. Conversa amigavelmente com todos profissionais, do presidente aos roupeiros. Une o grupo. Procura saber sobre problemas familiares dos jogadores, sempre tentando melhorar o ambiente em casa e, consequentemente, no trabalho. Programa até visitas a instituições de caridade, para tocar o coração dos atletas. Mas falta o essencial, apesar da melhora do time. É preciso mais futebol quando joga fora da Ilha do Retiro. Hoje à noite, diante da Portuguesa, no Canindé, mais uma chance para mudar o panorama negativo. Talvez a mais importante nesta reta final de Brasileirão.Se vencer, segue no rumo para tentar escapar da degola. Como fez no ano passado, iniciando aquela arrancada tida como improvável. Curiosamente no mesmo local do encontro de hoje. Diante de uma Lusa que atropelava os adversários, o Leão arrancou empate por 2x2. Depois teve série de vitórias e acabou conseguindo o acesso à Série A.A situação do Leão, hoje, lembra bem aquela. Um time que não empolga, mas que luta bastante. E que faz o torcedor andar com a calculadora sempre à mão.Em 2011 deu certo. Agora só vai dar se a superação voltar. Para isso terá que vencer jogos longe de sua torcida. O primeiro deles, esta noite. Ganhando, não apenas mantém certa distância do Palmeiras, que vem logo atrás. Mas encosta na própria Portuguesa e ainda pode terminar a rodada fora da zona de rebaixamento, a depender de tropeço do Coritiba.Esse é o lado bom.Mas se perder, como fez em boa parte das partidas como visitante, aí vai ter mais problemas. E o sonho de permanecer na elite do futebol brasileiro poderá virar pesadelo.Para o Sport não serve, mas...Ignorado por dirigentes do Sport, Carlinhos Paraíba vai render mais R$ 3 milhões ao São Paulo. O meio-campista, ex-Santa Cruz, foi adquirido pelo Omiya Ardija, do Japão. Outro que poderia ter reforçado o Leão e que também não agradou à direção rubro-negra foi Cléber Santana. Na Ilha, disseram que não era jogador para a Série A. Hoje é titular do Flamengo.Não é por aí...O Tribunal de Justiça de Pernambuco divulgou lista com torcedores proibidos de entrar nos estádios durante o mês de outubro. Só que boa parte vai continuar indo aos jogos. E mais uma vez a impunidade vai prevalecer. Como sempre.Discurso truncadoEnviado a Iguatu, Ataíde Macedo elogiou a cidade cearense e a infraestrutura do Agenorzão, local do jogo entre Icasa x Santa, sábado. Ainda falou bem do gramado às rádios locais. Mas voltou ontem ao Recife queixando-se da irregularidade do campo.Apagão deixou um felizMesmo sem poder avaliar a seleção brasileira, ontem, devido ao apagão no acanhado Estádio Centenário, na cidade de Resistência, Mano Menezes dormiu satisfeito. Primeiro porque viu Kaká voltar a jogar bem pelo Real Madrid, à tarde. Depois, escapou da pressão de um clássico com a Argentina.Com a palavra, o leitorQue Superclássico é esse?"?Estádio sem luz, sem público, sem times de primeira... E chamam de Superclássico??"  Gustavo Hofman. momentos antes do início de Brasil x Argentina.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias