Coluna Planeta Bola

Cenários pós pandemia já deveriam estar sendo analisados por todos

Mesmo com a incerteza de quando vem o pico da pandemia do coronavírus no Brasil e sua curva de queda, já dá para traçar alguns cenários sobre a volta do futebol

Carlyle Paes Barreto
Carlyle Paes Barreto
Publicado em 08/04/2020 às 12:06
Análise
FELIPE RIBEIRO/JC IMAGEM
Futebol não tem previsão de retorno. - FOTO: FELIPE RIBEIRO/JC IMAGEM
Leitura:

Por Carlyle Paes Barreto, da Coluna Planeta Bola 

Mesmo com a incerteza de quando vem o pico da pandemia do coronavírus no Brasil e sua curva de queda, consequentemente quando o futebol no País pode ser reativado, já dá para traçar alguns cenários. Uns mais conservadores, outro otimistas e até com previsão de caos. Todos, no entanto, devem ser analisados. Ou pelo menos deveriam, pelos dirigentes.

Sabendo que os clubes vão precisar de tempo para recondicionar seus atletas, seria impossível voltar os jogos no início de maio, como pretende a Alemanha. No meio do mês, cenário ideal. Daria para concluir os Estaduais e realizar todas competições até o final do ano.

Da mesma forma que se o futebol ressurgir até meados de junho. Aproveitando o próprio mês que seria dedicado à Copa

América e, claro, usando dezembro.

A bronca é se a pandemia ou suas restrições passarem disso. Recomeçando em julho, seria inevitável furar janeiro, levando a temporada 2020 ao início do ano seguinte. Com consequências duras também em 2021. Ano de Jogos Olímpicos, Copa América, Eliminatórias...

Mais textos da Coluna Planeta Bola no www.jc.com.br/planeta-bola

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias