Planeta Bola

Conservadorismo de Sport e Náutico veta camisas especiais

Depois do veto do Conselho Deliberativo alvirrubro à camisa preta, uniforme rosa do Leão não deve ser usado em jogo oficial

Carlyle Paes Barreto
Carlyle Paes Barreto
Publicado em 20/10/2020 às 18:20
Notícia

DIVULGAÇÃO/UMBRO
CAMPANHA Umbro lançou camisas rosas, entre elas a do Sport, contra câncer de mama - FOTO: DIVULGAÇÃO/UMBRO
Leitura:

Por Carlyle Paes Barreto, da Coluna Planeta Bola

A bela e moderna camisa rosa, criada pela Umbro para celebrar o mês de combate ao câncer de mama, não deve ser usada de forma oficial. Precisa de aprovação do Conselho Deliberativo e, claro, de vontade do executivo. O que não vem ocorrendo.

Como o Leão tem apenas uma partida fora de casa até o final do mês, justamente sábado, diante do Atlético-MG, não daria tempo para a aprovação. E nos dois jogos em casa, costuma usar o uniforme vermelho e preto. 

O conservadorismo do Conselho Deliberativo não é exclusivo do Sport. O do Náutico vetou o uso da camisa preta, numa campanha contra o racismo, após ter sido liberada para apenas um tempo de jogo pelo presidente do órgão. Mesmo elogiada nacionalmente e com o clube colhendo louros por isso.

Mais textos da Coluna Planeta Bola no www.jc.com.br/planeta-bola

 

Seja um assinante JC.

Assine o JC com planos a partir de R$ 1,90 e tenha acesso ilimitado a todo o conteúdo do jc.com.br, à edição digital do JC Impresso e ao JC Clube, nosso clube de vantagens e descontos que conta com dezenas de parceiros.

Assine o JC

Comentários

Últimas notícias