COLUNA JC SAÚDE E BEM-ESTAR

Kits para detecção do novo coronavírus chegam a Pernambuco

Estado recebeu 10 kits; cada um tem capacidade para analisar 24 amostras diferentes

Cinthya Leite
Cinthya Leite
Publicado em 09/03/2020 às 20:07
Notícia
Miva Filho/SES
Chegou, nesta segunda-feira (9), em Pernambuco, os kits para realização dos testes laboratoriais para o novo coronavírus - Miva Filho/SES
Leitura:

Os kits para realização dos testes laboratoriais para o novo coronavírus já chegaram em Pernambuco. O material foi disponibilizado pelo Ministério da Saúde para o Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco (Lacen-PE). Dessa maneira, nos próximos dias, profissionais do Estado e do Instituto Aggeu Magalhães (unidade da Fiocruz em Pernambuco) participarão de capacitação para análise de amostras no Instituto Evandro Chagas, no Pará. A expectativa é que em 10 dias, em média, os exames já sejam feitos em Pernambuco. Com isso, a liberação dos resultados será feita em menos de 24 horas, e não mais em 72 horas, como acontece atualmente.

“Recebemos dez kits. Cada um deles tem capacidade para analisar 24 amostras diferentes. A partir do momento em que estivermos qualificados e treinados pelo Instituto Evandro Chagas, faremos o exame e, dessa maneira, agilizaremos o nosso poder de resposta”, diz o secretário Estadual de Saúde, André Longo. A Fiocruz-PE será parceira do Lacen-PE para o estudo da biologia do vírus, com sequenciamento genético e análises comparativas por ferramentas de bioinformática.

Segundo boletim divulgado, nesta segunda-feira (9), pela Secretaria Estadual de Saúde (SES), Pernambuco investiga 12 casos suspeitos do novo coronavírus e permanece sem confirmações. Os pacientes monitorados atualmente têm histórico de passagem pela França, Inglaterra, Itália, Espanha, Alemanha, Suíça, Holanda, Portugal, Emirados Árabes e Estados Unidos – países com transmissão local do vírus.

“É inevitável que haja circulação do vírus (em Pernambuco). O nosso esforço é retardar ao máximo a circulação sustentada de Covid-19 (em inglês, sigla para doença por coronavírus 2019). A vigilância está funcionando, detectando e testando os casos suspeitos”, destaca André Longo. Ele acrescenta que o Estado está preparado para a possibilidade de presença do vírus em circulação e que “trabalha, inclusive, para atendimento de possíveis casos graves”.

Na quinta-feira (5), foi aprovada, na Assembleia Legislativa de Pernambuco, projeto de lei que reorganiza o quadro de vagas de profissionais do Hospital Universitário Oswaldo Cruz (Huoc), possibilitando a ampliação de 120 cargos. "Hoje a lei deverá ser sancionada pelo governador Paulo Câmara, e os profissionais serão nomeados para atuar em unidades de terapia intensiva e em enfermarias voltadas para o atendimento dos casos suspeitos e possíveis confirmados para Covid-19", 

Comentários

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias