COLUNA JC SAÚDE E BEM-ESTAR

Coronavírus: tomar ibuprofeno e cortisona pode agravar a infecção

Ministro da Saúde da França, Olivier Véran, usou sua conta no Twitter para fazer o alerta em relação às medicações

Cinthya Leite
Cinthya Leite
Publicado em 15/03/2020 às 21:37
Notícia
Leitura:

O ibuprofeno, que aparece na lista de orientações do Ministério da Saúde brasileiro como medida contra o novo coronavírus, ao lado do paracetamol, para redução da febre, passou a ser contraindicado pelo ministro da Saúde da França, Olivier Véran. Em sua conta no Twitter, ele pediu que as pessoas com febre e suspeita de infecção pelo novo coronavírus evitem tomar anti-inflamatórios como o ibuprofeno para controlar os sintomas.

"Tomar medicamentos anti-inflamatórios (ibuprofeno, cortisona...) pode ser um fator para agravar a infecção. Se tiver febre, tome paracetamol. Se você já estiver tomando medicamentos anti-inflamatórios ou estiver em dúvida, consulte seu médico", escreveu Véran no Twitter. 

Confira a declaração de Olivier Véran no Twitter:

As declarações do ministro francês estão em sintonia com uma pesquisa recentemente publicada na revista científica The Lancet Respiratory Medicine. Os autores do artigo – entre eles, o pesquisador Michael Roth, do Hospital da Universidade de Basileia, na Suíça, analisaram dados já divulgados sobre mortes e casos graves associados ao novo coronavírus. O texto sugere uma ligação entre o ibuprofeno e o agravamento de sintomas de Covid-19, como é conhecida a doença causada pelo novo agente infeccioso. 

Comentários

Últimas notícias