VARÍOLA

OMS afirma que está trabalhando com países afetados por varíola dos macacos

A agência da ONU disse que havia cerca de 80 casos confirmados até agora, em 11 países

JC
Cadastrado por
JC
Publicado em 20/05/2022 às 22:21
CDC/BRIAN W.J. MAHY
A varíola do macaco, com vários casos detectados na Europa e na América do Norte, é uma doença rara - FOTO: CDC/BRIAN W.J. MAHY
Leitura:

Da Estadão Conteúdo

A Organização Mundial da Saúde (OMS) anunciou nesta sexta-feira, 20, que está trabalhando em estreita colaboração com países onde foram relatados casos da doença viral varíola dos macacos. Em comunicado, a agência da ONU disse que havia cerca de 80 casos confirmados até agora, em 11 países, com mais 50 casos pendentes de investigação.

A OMS afirmou que está "trabalhando com os países afetados e outros para expandir a vigilância da doença para encontrar e apoiar as pessoas que podem ser afetadas e fornecer orientações sobre como gerenciar a doença".

A agência disse em um comunicado anterior à imprensa que pelo menos oito países são afetados na Europa - Bélgica, França, Alemanha, Itália, Portugal, Espanha, Suécia e Reino Unido.

ONU

Hans Kluge, diretor regional da agência da ONU para a Europa, disse que os casos são atípicos, citando três razões. Todos, exceto um, não estão vinculados a viagens para países endêmicos, indicou.

Muitos foram detectados por meio de serviços de saúde sexual e, além disso, suspeita-se que a transmissão possa estar em andamento há algum tempo, pois os casos estão geograficamente dispersos pela Europa, afirmou Kluge.

Comentários

Últimas notícias