Meeting de Arbitragem capacita juízes de bodyboarding

No curso de formação de juízes foi anunciado que Xandinho vai ser nome de rua

Alexandre Gondim
Alexandre Gondim
Publicado em 04/07/2021 às 22:45
Notícia
DIVULGAÇÃO
Meeting de Arbitragem reuniu pessoas de todo o Brasil e até de Portugal - FOTO: DIVULGAÇÃO
Leitura:

Representantes de diversos estados brasileiros e de Portugal participaram neste fim de semana, de 01 a 03/07, do Meeting de Arbitragem de bodyboarding organizado pela ABBP (Associação dos Badyboarding de Piedade), para formar, capacitar e atualizar, novos e atuais juízes através de palestras dos experientes Head Judges da Confederação Brasileira e da Liga Mundial de Bodyboarding. O objetivo é aumentar o quadro de juízes brasileiro que começarão a julgar eventos regionais, nacionais e internacionais afim de serem capacitados e assim passarão a integrar diversas funções no quadro técnico das competições que acontecem espalhados pelo país.

Foram três dias de encontros remotos organizado e apresentado por Beri Santana, presidente da ABBP, que convidou Saul Ribeiro, Diretor técnico da Confederação Brasileira de Bodyboarding e Mazinho Moraes, Head Judge da Liga Nacional, para ministrarem as aulas sobre critérios de julgamento. E também Marcello Pedro, presidente da Liga Nacional, e Paulo Costa, competidor internacional, que falaram de suas experiência competindo a redor do mundo em grandes eventos e e suas vivências como organizadores do esporte.

Foram 31 participantes de Pernambuco, Espirito Santo, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Paraíba, São Paulo, Santa Catarina, Paraná, Rio Grande do Sul, Maranhão e de Portugal, entre alunos, palestrantes e a equipe da diretoria da ABBP, que durante 10 horas debateram as técnicas do esporte que procura uma unidade nacional em seus critérios. “O Meeting vem desde 1993 passando conhecimentos e transformando a vida das pessoas através de conhecimento, formando novos juízes com profissionalismo e modificando o esporte conectando pessoas de vários estados e até de fora do Brasil”. Explica o organizador Beri Santana.

Divulgação
Beri Santana - Divulgação
 

Segundo o palestrante Mazinho Moraes “A grande diferença deste Meeting foi o alcance que ele teve por ter sido realizado em ambiente virtual, com isso tivemos a participação de pessoas de norte a sul do país, mostrando a qualidade desse curso realizado pela ABBP. Levamos todas nossas experiências e expertise desses mais de 30 anos dedicados ao trabalho técnico do Bodyboarding. A melhor forma de perpetuar conhecimento, idéias e deixar um legado para quem vem depois é você dividir, ensinar e repassar tudo o que se aprendeu e dessa forma você será lembrado, citado e reconhecido pelo o que você construiu.”

Já Saul Ribeiro falou: “Foi uma satisfação e alegria participar desse Meeting. Muito bom ver pessoas interessadas a ingressar nos quadros técnicos de suas regiões. Bacana ver como a tecnologia, se bem usada, aproxima pessoas. Jamais imaginei ministrar um curso pra pessoas de diversos estados sem sair da minha sala. Realmente uma iniciativa extremamente positiva e enrriquecedora para o esporte.”

“Foi sensacional o Meeting. Ele tem de acontecer em todos os estados para multiplicar ensinamentos e cada Federação deve fazer esse trabalho. Queremos capacitar todas as entidades e pessoas envolvidas com o Esporte para cada vez mais a população sentir segurança em colocar um filho para fazer aulas de bodyboarding tendo a certeza que aprenderá grandes valores, ensinamentos e princípios que é o que o Esporte faz com muita propriedade”. Define Marcello Pedro, que aproveitou o momento para divulgar muito emocionado, pela primeira vez, que a cidade do Rio de Janeiro através da sua Câmara de Vereadores irá homenagear o ídolo Alexandre Pontes, o Xandinho, como nome de uma rua no Leblon, bairro da zona sul carioca.

Divulgação
Marcello Pedro - Divulgação

Outro convidado do Meeting que estava falando de Portugal foi Paulo Costa. Ele é brasileiro, começou sua carreira em Recife e competiu nos mais importantes circuitos do mundo. Paulinho fez questão de creditar ao trabalho feito pela Associação dos Body Boarders e aos clubes de bodyboarding, que existiam em Pernambuco na década de 80, como importantíssimo para estimular nele o espírito competitivo e subsidiar o legado carregado por Beri Santana a frente das ações pelo esporte. Colocou a importância da relação entre competidor e comissão técnica para que o atleta entenda o que deve ser feito na sua bateria e ressaltou que o bodyboarder está na competição para performar, não para si e sim, para atender aos critérios de julgamento.

“Participar desse Meeting foi muito engrandecedor. Ver pessoas que fazem parte da história do bodyboarding dedicando suas vidas e seus conhecimentos para outras pessoas é enaltecedor. Agora é esperar o próximo e aprender um pouco mais” Disse João de Deus, aluno do curso.

No final da transmissão representantes da Confederação Brasileira, entre eles o presidente Marcelo Rocha participou destacando a importância de encontros como o Meeting de Arbitragem e divulgando as ações que estarão por vir após esse início de gestão da nova diretoria, que primeiro esta cuidando da parte burocrática da entidade, mas logo dará início ao circuito brasileiro com data já prevista para um grande evento no Espirito Santo no começo de Setembro.

Divulgação
Marcelo Rocha - Divulgação

Nos próximos dias 24 e 25 de julho todos esses ensinamentos serão colocados em prática na primeira etapa do circuito ABBP em Enseada dos Corais, no Cabo de Santo Agostinho, Pernambuco. Acompanhe por aqui e fique informado de mais detalhes dessa competição que é referência nacional.

Divulgação
Marcello Pedro - FOTO:Divulgação
Divulgação
Marcelo Rocha - FOTO:Divulgação
Divulgação
Beri Santana - FOTO:Divulgação
DIVULGAÇÃO
Beri Santana - FOTO:DIVULGAÇÃO

Comentários

Últimas notícias