Compaixão

Deixar ir é uma arte

Sempre que estiver perturbado, saiba que está se agarrando a algo. Faça a si mesmo a seguinte pergunta: "Eu deixei ir, ou estou segurando isso?"

João Carvalho
João Carvalho
Publicado em 15/07/2021 às 16:25
Notícia
Arte de Viver/Divulgação
Aprenda a deixar ir. Ao deixar ir, você obterá uma profunda paz. - FOTO: Arte de Viver/Divulgação
Leitura:

Não tenha ódio de ninguém. Não odeie nem mesmo o pior inimigo, estenda a mão para ele. Se você não pode alcançá-lo, não importa. Pelo menos em seu coração não odeie ninguém. Não odeie nenhum ser vivo, não apenas as pessoas.

Mais do que seu amor, seu ódio o impede de avançar. A pessoa que você odeia você vive com ela, você come com ela, você a carrega mentalmente em todos os lugares. A pessoa que você odeia ocupa todo o seu tempo, sua vida, seus pensamentos, suas emoções, sua mente, tudo. Então, se não for por eles, pelo seu próprio bem, é melhor não odiar ninguém.

Agora, como se livrar do ódio? Empatia e compaixão. Pessoas que estão à sua frente na vida, seja amigável com elas. Caso contrário, você sentirá inveja. E as pessoas que estão atrás de você, que estão desesperadas, que são criadoras de problemas, tenha compaixão por elas. Se você não tiver compaixão por elas, ficará com raiva e chateado.

Sempre que estiver perturbado, saiba que está se agarrando a algo. Faça a si mesmo a seguinte pergunta: “Eu deixei ir, ou estou segurando isso?” Isso determina seu estado de espírito, isso determina sua paz, ou a falta dela! Ao deixar ir, você obterá uma profunda paz.

Comentários

Últimas notícias