Reconhecimento

Anitta comemora título de 'mulher poderosa' pela Forbes: 'Respiro de alívio'

Artista foi colocada numa seleta lista de 20 mulheres brasileiras pela revista de economia

Publicado em 04/03/2020 às 22:00
Notícia
INSTAGRAM/@VICTORAFFARO/REPRODUÇÃO
Anitta, aos 26 anos, é cantora, compositora e empresária. - FOTO: INSTAGRAM/@VICTORAFFARO/REPRODUÇÃO
Leitura:

A cantora Anitta, de 26 anos, comemorou nas redes sociais ao entrar na lista das 20 mulheres mais poderosas do Brasil pela Revista Forbes. A cantora disse que não imaginava os desafios que teria quando começou a carreira e, por isso, agora pode sentir "um respiro de alívio e sensação de realização" ao ver todo o seu reconhecimento.

>> Revista coloca Anitta entre as 20 mulheres mais poderosas do Brasil

>> Pernambucana Camila Coutinho entra para lista das mulheres mais poderosas do Brasil da Forbes

>> Paola Carosella fala de machismo e polêmicas no MasterChef em Recife

"Antes de tudo começar eu não pensava que as coisas realmente mudassem de figura e se tornassem muito mais desafiadoras quando você é mulher. Ser mulher e jovem. É ainda mais difícil se impor, comandar e quebrar barreiras quando te subestimam por ainda ser jovem demais. Ser mulher, jovem e abertamente livre sexualmente. Aí o tempo fecha de verdade. Mas, como não sou feita de açúcar, resisto", escreveu a artista no Instagram.

A Revista Forbes elegeu vinte lideranças femininas em negócios, ciência, artes, mídia, gestão pública e terceiro setor. Também estão na lista nomes como a influenciadora digital pernambucana Camila Coutinho; Cristina Junqueira, cofundadora do Nubank; a chef Paola Carosella, a doutora em física Marcia Barbosa, a jornalista Renata Lo Prete, da TV Globo, entre outras.

Na publicação, Anitta é apresentada como “cantora, compositora e empresária”. Segundo a Forbes, ela ganhou destaque na seleta lista por seus bilhões de streams, parcerias internacionais, sua credibilidade e influência, essenciais para seu sucesso no mercado publicitário.

VEJA O POST DE ANITTA:

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias