LITERATURA

Coluna Escrita: Nova edição do emocionante e necessário livro Heroínas Negras Brasileiras em 15 Cordéis

Confira essa e outras notícias do mercado literário na coluna Escrita desta terça-feira (20)

Valentine Herold
Valentine Herold
Publicado em 20/10/2020 às 9:00
Notícia

DIVULGAÇÃO
Jarrid Arraes, escritora, cordelista e poeta, criadora do Clube de Escrita Para Mulheres - FOTO: DIVULGAÇÃO
Leitura:

Quem são as verdadeiras heroínas brasileiras e quantas delas se encontram nos livros de História? Infelizmente, muito poucas. Há anos a cordelista e escritora cearense Jarid Arraes pesquisa a vida e obra de mulheres negras invisibilizadas pelos relatos oficiais. Em 2017 ela lançou Heroínas Negras Brasileiras em 15 Cordéis, ilustrado por Gabriela Pires, que acaba de ganhar uma nova edição pela Seguinte (176 pgs., R$ 34,90).

Jarid viaja pelo tempo para recontar as histórias da princesa angolana Zacimba Gaba, que chegou ao Brasil em 1690; de Maria Firmina dos Reis, a primeira romancista brasileira; da guerreira quilombola Dandara dos Palmares; de Carolina Maria de Jesus, autora do clássico Quarto de Despejo e outras 11 mulheres. Uma leitura necessária e inspiradora.

DIVULGAÇÃO
Livro da escritora e cordelista Jarid Arraes chega em nova edição, pela Seguinte, com ilustrações de Gabriela Pires - DIVULGAÇÃO

E mais, na coluna Escrita desta terça-feira (20):

- Escrito durante os primeiros meses da pandemia, Primeiro Eu Tive Que Morrer é o romance de estreia da cearense Lorena Portela. Lançado de forma independente, o livro acompanha a jornada de seis mulheres, ambientado na vila de Jericoacoara.

A partir de uma paixão, a narradora se vê confrontada com questões do passado e todos os anseios que acompanham a necessidade de seguir em frente. A violência machista da sociedade patriarcal é também um dos temas abordados. A capa é da pernambucana Carolina Burgo. Vendas online(140 pgs., R$ 32,90), no Instagram da autora, @portelori.

- A GfK e a Associação Nacional de Livrarias divulgaram novo relatório dos dados do varejo de livros no Brasil. Entre 31 de agosto e 27 de setembro foram vendidas 3,8 milhões de unidades,um aumento de 8,1% em volume em relação ao ano passado, no mesmo período.

- O espaço Soneto Tropical, no Espinheiro, também vem investindo em literatura infantil. Neste mês de outubro, chegaram novos títulos: Carolina (Orlando Nilha), sobre Carolina Maria de Jesus, e Frida Kahlo e Eduardo Galeano, ambos da coleção Para Meninas e Meninos (Nadia Fink).

Seja um assinante JC.

Assine o JC com planos a partir de R$ 1,90 e tenha acesso ilimitado a todo o conteúdo do jc.com.br, à edição digital do JC Impresso e ao JC Clube, nosso clube de vantagens e descontos que conta com dezenas de parceiros.

Assine o JC

Comentários

Últimas notícias