Natural do Sertão, pernambucana brilha como modelo internacional

Formada em direito, Gabriela Batista tem 22 anos e recebeu a proposta quando a moda ainda era um "hobby" na sua vida

Emannuel Bento
Emannuel Bento
Publicado em 21/10/2021 às 16:48
INSTAGRAM/REPRODUÇÃO
Gabriela Batista (@gabrielabatistag) em temporada no Cairo, capital do Egito - FOTO: INSTAGRAM/REPRODUÇÃO
Leitura:

Natural de Arcoverde e criada em Sertânia, no Sertão, a pernambucana Gabriela Batista, 22, está brilhando como modelo em Cairo, capital do Egito. Formada em direito, a jovem atualmente estampa fachada de loja num dos principais shoppings da cidade árabe. Ela recebeu a proposta de uma agência em março enquanto fazia alguns trabalhos com moda no Recife, onde mora há anos. Em 6 de novembro, segue para Nova Deli, na Índia, onde passará três meses. As viagens devem continuar no próximo ano.

A jovem conta que os pais ficaram apreensivos no início, mas logo aceitaram quando viram que tratava-se de uma proposta séria. Até então, a bacharel em direito levava a moda como um hobby.

"Essa oportunidade foi como uma aventura que eu precisava aceitar para ver se daria certo ou não. Foi a minha primeira viagem internacional e tem sido muito incrível. Foi uma oportunidade imensurável de conhecer uma nova cultura, novas pessoas e de aprender um novo idioma. Eu saí do Recife sem falar nada de inglês, mas aprendi em um mês. É a lei da sobrevivência", diz Gabriela.

Ela conta que contou com ajuda de uma modelo brasileira quando chegou e ainda lamentou as condições de trabalho da categoria no Recife, onde os cachês geralmente são baixos. A oportunidade surgiu por meio de um fotógrafo da capital pernambucana, que perguntou se Batista não teria interesse numa carreira internacional.

As imagens de Batista foram enviadas para o recrutador de uma agência internacional. "Estou muito feliz e realizada, às vezes me sinto cansada e sinto muito falta da minha mãe, mas agora tenho que viver o meu momento, construir o meu futuro. Gosto muito de conhecer novas culturas e estar no Egito é grandioso demais."

Comentários

Últimas notícias