TRAGÉDIA

Governo de Goiás decreta luto de três dias por morte de Marília Mendonça

"Não existem palavras para descrever esse momento", escreveu o governador Ronaldo Caiado, que decretou o luto

Emannuel Bento
Cadastrado por
Emannuel Bento
Publicado em 06/11/2021 às 9:59 | Atualizado em 06/11/2021 às 10:04
REPRODUÇÃO/PREFEITURA DE CARUARU
Trecho da nova música de Marilia Mendonça com Lucas Lucco foi lançada no final da noite desta quinta-feira (3) - FOTO: REPRODUÇÃO/PREFEITURA DE CARUARU
Leitura:

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado, decretou, ainda no começo da noite da última sexta-feira (5), luto oficial de três dias pela morte da compositora e cantora Marília Mendonça, de 26 anos. Ela foi vítima da queda de um avião de pequeno porte em Minas Gerais, onde faria um show.

"O governador do Estado de Goiás, no uso de suas atribuições constitucionais e legais, também em consideração à ocorrência, nesta data, do falecimento da ilustre cantora, compositora e instrumentista goiana, Marília Dias Mendonça, aos 26 anos, decreta, por meio de seus órgãos e suas entidades, guardar á luto oficial de 3 dias, em razão do falecimento da ilustre cantora, compositora e instrumentista goiana."

Leia também: Análise: Marília Mendonça reinventou a sofrência para os nossos tempos

Por meio das redes sociais, Ronaldo Caiado também manifestou pesar pela morte da cantora: "Um dia de muita tristeza para a música sertaneja. Foi com imenso pesar que eu e a Gracinha Caiado recebemos a notícia da morte da cantora goiana Marília Mendonça e tripulantes após um acidente de avião, em Piedade de Caratinga, interior de Minas Gerais. Não existem palavras para descrever esse momento. Só podemos pedir que Deus console e conforte o coração de todas essas famílias, amigos e o pequeno Léo, filho da cantora. Marília tinha um grande coração e se destacava por, além de levar alegria aos brasileiros, ajudar e cuidar das pessoas. Goiás está em luto."

Comentários

Últimas notícias