FORMAÇÃO

Fundaj lança curso para professores usarem cinema pernambucano em aula. Saiba como participar

"O Cinema de Pernambuco na Escola: Uma Formação para Formadores" será ministrado por Paulo Cunha, docente da UFPE e consultor da Cinemateca Pernambucana

Emannuel Bento
Emannuel Bento
Publicado em 02/12/2021 às 17:15
ANDRÉ NERY/ACERVO JC IMAGEM
FUNDAJ Sala do Derby - FOTO: ANDRÉ NERY/ACERVO JC IMAGEM
Leitura:

A Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj), por meio da Diretoria de Formação Profissional e Inovação (Difor), promoverá o curso "O Cinema de Pernambuco na Escola: Uma Formação para Formadores" a partir do dia 13 de dezembro. O projeto será ministrado pelo professor Paulo Cunha e terá 100 vagas ofertadas para o público geral, mas com foco em professores de educação artística do ensino público. Os encontros serão realizados entre 13 e 17 de dezembro, das 15h às 17h, no campus do Derby - com exceção da última aula, que será no Cinema do Museu, em Casa Forte.

As inscrições podem ser realizadas no Sympla até o dia 10 de dezembro. O conteúdo programático tem como foco a importância do cinema local, para que os alunos possam aprofundar os seus conhecimentos em temas como gênero, etnia e juventude, ou até de que forma a sétima arte retrata temas como a cultura popular ou mostra o crescimento da vida urbana no Recife.

"O curso surgiu a partir da experiência da Cinemateca Pernambucana: recebemos muitos estudantes do ensino público com seus professores e achamos interessantes preparar uma formação que tivesse a ver com esse público", explica Cunha, consultor voluntário da Cinemateca Pernambucana. "Nosso objetivo é melhorar o nível de informação desses professores de educação de jovens para que eles possam, a partir de filmes do acervo da Cinemateca, fazer uma experiência em sala de aula produtiva para eles e para os alunos."

Cunha ainda é professor titular aposentado da Universidade Federal de Pernambuco, doutor em Artes e Ciências da Arte pela Universidade de Paris I - Panthéon-Sorbonne. Ele tem experiência em cinema experimental, sobretudo curtas em super-8 e em 16 milímetros. Alguns dos livros publicados por ele foram "Expedições à Noite Morena" (2020); "Geneton: viver de ver o verde mar" (2019) e "A Aventura do Baile Perfumado: vinte anos depois" (2016).

A formação faz parte da programação de férias da Escola de Inovação e Políticas Públicas (EIPP), que acontece nos meses de dezembro e janeiro. "Vamos ofertar esse curso no formato presencial, retomando a oferta de cursos presenciais no Campus Derby, onde temos o Cinema da Fundação, para que os alunos também possam frequentar e assistir ao cinema na nossa programação de fim de ano, início de ano e férias", destaca o diretor de Formação Profissional e Inovação, Wagner Maciel.

"A importância do cinema em si e de que as novas gerações conheçam já a partir da idade escolar o cinema pernambucano, que é, desde sempre, um dos maiores e mais pujantes do Brasil e cuja história está refletida no próprio acervo da Fundação Joaquim Nabuco", conta Mario Helio, diretor de Memória, Educação, Cultura e Arte.

SERVIÇO
Curso "O Cinema de Pernambuco na Escola: Uma Formação para Formadores"

Onde: Fundaj Derby
Quando: 13 a 17 de dezembro de 2021, das 15h às 17h
Carga Horária: 10h

Comentários

Últimas notícias