FESTIVAL

Festival Guaiamum Treloso Rural divulga programação completa; confira as atrações

Do rap ao brega, o festival colocou em sua grade nomes como FBC e Potyguara Bardo, Jáder e Johnny Hooker, Banda Sentimentos, Cordel do Fogo Encantado e Mundo Livre SA

Bruno Vinicius
Cadastrado por
Bruno Vinicius
Publicado em 16/03/2022 às 13:13 | Atualizado em 17/03/2022 às 11:17
Divulgação
Potyguara, FBC e Rachel Reis são atrações do Guaiamum Treloso - FOTO: Divulgação
Leitura:

Depois de dois anos sem contato com o público, o Festival Guaiamum Treloso chega em 9 de abril com atrações nacionais e novos nomes da cena musical pernambucana. Com produção de Felipe Cabral e Estelita, o circuito musical anunciou sua programação completa nesta quarta-feira (16). Do rap ao brega, o festival colocou em sua grade nomes como FBC e Potyguara Bardo, Jáder e Johnny Hooker, Banda Sentimentos, Cordel do Fogo Encantado e Mundo Livre SA. 

O festival é conhecido por mesclar grandes nomes da música com uma cena mais emergente - tanto nacional quanto local. Dessa forma, novos nomes da música independente estão inclusos na grade, como Rachel Reis, Joca, Barbarize, Guma, Afroito, Uana e Surra de Rima. 

Patricktor4, Sanni est, Omoloko, Anaklav (ALE), IDLIBRA, Cherollaine, Utra, Forninho djs, TKTK, Marti, Iury Andrew e Makeda são DJs que complementam a grade festiva.

O destaque deste ano fica por conta do rapper mineiro FBC. Com o disco "Baile", o artista retrata a década de 90, quando os raps e melôs evidenciavam o cotidiano dos moradores dos subúrbios, abordando temas como a violência e a criminalização de jovens das periferias. O álbum recebeu aclamação crítica e de público, evidenciando um dos melhores trabalhos do gênero nos últimos anos.

O festival

Nascido como um bloco na Zona Norte, em 1995, o Guaiamum depois se tornou uma das maiores prévias carnavalescas da cidade durante anos. Apenas em 2016, tornou-se o Festival Guaiamum Treloso Rural, inspirado em grandes circuitos internacionais que fizeram sucesso a partir das décadas de 1960 e 1970, levando artistas a áreas distantes de grandes cidades.

Neste ano, o festival acontecerá na Fazenda Bem-Te-Vi, no km 8, em Camaragibe, local das últimas edições do evento. "Estamos muito ansiosos e animados com essa volta. Esse tempo longe do público fez com que caprichássemos em uma programação atual, com nomes que têm despontado na cena musical", contou Felipe Cabral.

Os ingressos podem ser adquiridos no site Sympla e custam R$ 120 (inteira), R$ 60 (meia-entrada) e R$ 70 (entrada verde). Há ainda o serviço de transporte oferecido pelo evento, que sai dos shoppings Recife, Plaza e Tacaruna em direção ao local da festa em Camaragibe. O passe para ida e volta tem valor de R$ 30.

Comentários

Últimas notícias