SHOWS

Geraldão volta a receber grandes shows no Recife. Saiba quais os primeiros

Um dos principais palcos da capital pernambucana no passado, o equipamento esportivo da Prefeitura do Recife foi reaberto em 2020

Emannuel Bento
Cadastrado por
Emannuel Bento
Publicado em 18/05/2022 às 9:11 | Atualizado em 18/05/2022 às 9:12
ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
SHOWS Ginásio de Esportes Geraldo Magalhães (Geraldão) volta a receber shows musicais no Recife - FOTO: ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
Leitura:

Quem viveu o Recife dos entre os anos 1970 e 1990 lembra bem que o Ginásio de Esportes Geraldo Magalhães (Geraldão), na Imbiribeira, Zona Sul, foi um dos principais palcos para grandes shows na cidade. Após sete anos de obras, o equipamento esportivo da Prefeitura do Recife foi reaberto em setembro de 2020, numa época de alta de casos da Covid-19.

Agora, com a retomada da agenda cultural da capital pernambucana a todo vapor, o espaço já tem os seus primeiros espetáculos musicais marcados. O primeiro já será neste final de semana: o musical do fenômeno infantil Luccas Neto.

"Luccas Neto e a Escola de Aventureiros" será apresentado neste sábado (21), a partir das 17h, sendo repleto de coreografias, danças e efeitos especiais. Quem traz o evento para o Estado é a Super Nova.

ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
SHOWS Ginásio de Esportes Geraldo Magalhães (Geraldão) volta a receber shows musicais no Recife - ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
SHOWS Ginásio de Esportes Geraldo Magalhães (Geraldão) volta a receber shows musicais no Recife - ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM

Para esse espetáculo, o Geraldão será dividido em espaços de plateia premium (R$ 380), plateia VIP (R$ 260), arquibancada inferior (R$ 200) e arquibancada superior (R$ 140), com ingressos à venda no site Uhuuu.

O segundo show previsto no Geraldão é da turnê "Irmãos", de Seu Jorge e Alexandre Pires. O projeto estreou em São Paulo, em dezembro de 2021, e rodará o Brasil ao longo deste ano. O show no Recife será em 15 de junho.

A turnê surgiu depois do sucesso da live da pandemia "Irmãos", com os dois cantores, que hoje acumula mais de 10 milhões de visualizações.

ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
SHOWS Ginásio de Esportes Geraldo Magalhães (Geraldão) volta a receber shows musicais no Recife - ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
SHOWS Ginásio de Esportes Geraldo Magalhães (Geraldão) volta a receber shows musicais no Recife - ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM

O repertório conta com hits de ambos os artistas e versões de clássicos da música brasileira, como canções de Tim Maia e Legião Urbana.

Nesse evento, o Geraldão está dividido em superior lateral (R$ 70), superior frontal (R$ 80), premium lateral (R$ 100), R$ 120 (premium frontal) e frontstage (R$ 300), à venda na Bilheteria Digital.

Dono de sucessos como Tive Razão, Burguesinha e Mina do Meu Condomínio, Seu Jorge também é ator e interpreto "Marighella" no filme homônimo, que teve estreia nacional no dia 4 de novembro.

Alexandre Pires foi vocalista do grupo Só pra Contrariar, iniciou a carreira solo em 2001 e tem hits como "Você Tirou Minha Vida", "Necessidade" e "É por Amor".

Grandes shows no passado

Em seu ápice como espaço de eventos, o Geraldão recebeu shows de Roberto Carlos, Elba Ramalho, Rita Lee, Gilberto Gil, Mamonas Assassinas, Raul Seixas, Fábio Jr., Xuxa, José Augusto, Os Trapalhões e até a turnê A discoteca do Chacrinha, em 1973.

Também recebeu shows de artistas internacionais como A-Ha, Jimmy Cliff, Information Society, Faith no More e Rick Wakeman (lendário tecladista do Yes).

Comentários

Últimas notícias