MÚSICA

Pernambucano Ciel mescla forró raiz e beats eletrônicos em single junino

"Chambregar" tem produção musical de Mauricio Cezar e beats de Cristiano Montalvão, do grupo Radiola Serra Alta

Emannuel Bento
Cadastrado por
Emannuel Bento
Publicado em 23/06/2022 às 13:25
DIVULGAÇÃO
CARREIRA Natural de Bezerros, cantor se dedica a reinventar sonoridades e performances - FOTO: DIVULGAÇÃO
Leitura:

O cantor pernambucano Ciel (também conhecido como Ciel Santos) lançou, nesta véspera de São João, a canção "Chambregar", que dá continuidade ao seu trabalho de reinventar sonoridades e performances da cultura popular - nesse, caso o forró tradicional.

Com composição autoral e produção musical de Mauricio Cezar e beats de Cristiano Montalvão (integrante do grupo Radiola Serra Alta), a faixa une elementos musicais do forró com beats e instrumentos eletrônicos, exaltando a versatilidade da cultura popular e do próprio artista.

"Um bom forró sempre tem uma brincadeira com o ritmo e o sentido das palavras. Quero que as pessoas se sintam no palhoção, com o forró comendo quente e o clima de paquera no ar", destaca Ciel,  autointitulado como "Princesinha do Agreste" na capa e numa vinheta na música.

Natural da Zona Rural de Bezerros, o artista costuma trabalhar com uma estética andrógena - tanto na voz aguda quanto em roupas, imagens e artes visuais. 

Neste ano, o artista lançou o single "D+" e se prepara para mais lançamentos. Ele já participou de festivais como o "Casa Natura", "Mostra Todos os Gêneros-Itaú Cultural" e "Coquetel Molotov".

Quem é Ciel Santos

Natural de Bezerros, cidade do Agreste de Pernambuco, Ciel Santos conheceu a arte ao ingressar no Papanguarte Balé Popular de Bezerros, bastante tradicional no município. Atua na música desde 2006, tendo iniciado sua carreira musical nas noites recifenses cantando em bares e restaurantes, em 2009.

Ele gravou seu primeiro EP autoral, "Livre", em 2015. No ano seguinte foi um dos finalistas do festival de música autoral Som na Arena. Em 2017, estreia o espetáculo autoral "Enraizado", transformando-o em seu primeiro álbum de estúdio em 2019.

Já em 2021, lançou um clipe com a releitura da música: "Eu também quero beijar", que contou com a participação de Patricktor4. No mesmo ano, lançou também, o remix da sua música "Terra", junto ao grupo Radiola Serra Alta.

Comentários

Últimas notícias