Clássico

Anitta é cotada para viver protagonista do remake de O Guarda-Costas

Filme de 1992 com Whitney Houston terá nova versão com uma latina

Marília Banholzer
Marília Banholzer
Publicado em 03/10/2021 às 17:12
Notícia
Foto: Reprodução/Instagram
Anitta no Video Music Awards, da MTV, realizado no domingo (12) - FOTO: Foto: Reprodução/Instagram
Leitura:

Uma declaração do diretor de cinema Matthew López, contratado para o remake de "O Guarda-Costas" (1992), pôs fim nas especulações de que as atrizes Halle Bailey e Zendaya poderiam ser as intérpretes da protagonista Rachael Marron, vivida originalmente por Whitney Houston. No entanto, novos nomes passaram a ser cotados para o papel, incluindo o da cantora brasileira Anitta.

"Em vez de focar em uma estrela estabelecida como a que Whitney Houston interpretou, [o remake] trata-se de uma jovem artista latina que acabou de ficar famosa. É sobre como sua vida mudou, porque ela é uma sensação da noite para o dia. No século 21, isso significa que ela precisa imediatamente de proteção. Foi importante para mim usar essa oportunidade para colocar rostos latinos na tela e para contar suas histórias em grande estilo”, disse o roteirista.

Com essas informações de Matthew López, a lista de apostas para a nova Rachel Marron é redirecionada para artistas latinas ou com ascendência latina, jovens e capazes de cantar, já que o musical inclui canções memoráveis como "I Will Always Love You" e "I Have Nothing", indicada ao Oscar.

Com isso, nomes como Anitta, Selena Gomez e Camila Cabello ficaram em destaque. No caso da brasileira, conta a favor o fato de Anitta ter experiência como atriz, já tendo participado da novela "Amor de Mãe" e de alguns filmes. Há alguns anos, ela estava negociando para estrelar uma nova versão de "Tropa de Elite", mas engavetou o projeto.

A mexicana Selena Gomez, por sua vez, já foi artista do Disney Channel e agora está em alta como atriz por causa da série "Only Murders In The Building", que a ajudou a ser vista com outra forma pelo público, diferente dos papéis infanto-juvenis já vividos. Camila Cabello, que é cubana, também é um nome que se encaixa bem nos requisitos da produção. Ela vem do criticado filme musical "Cinderela", mas já disse que quer fazer mais trabalhos como atriz.

Além de Matthew López, o remake do clássico está sendo co-produzido por Lawrence Kasdan, que escreveu e co-produziu o filme original retornará para como co-produtor. "O Guarda-Costas" apresenta o romance entre uma cantora e seu segurança particular. Na trama que arrecadou mais de US$ 400 milhões de bilheteria mundial à época da estreia, a artista popstar recebe cartas anônimas com ameaças graves e passa a ter proteção constante de um profissional. Os dois se envolvem a partir daí, enquanto o perseguidor da cantora se aproxima.

Comentários

Últimas notícias