POP BRASILEIRO

Igor Liberato lança 'Tudo Que Cê Gosta', primeiro single de seu novo álbum

Baiano de 27 anos canta em clima solar antecipando o tom do registro e também do EP previsto para chegar em novembro deste ano

Nathália Pereira
Nathália Pereira
Publicado em 15/09/2020 às 16:37
Notícia

RAFA RAMOS/DIVULGAÇÃO
Nova música de Igor Liberato foi produzida em parceria com o espanhol Carles Campi Campón - FOTO: RAFA RAMOS/DIVULGAÇÃO
Leitura:

Em pleno processo de feitura do seu álbum de estreia em carreira solo, o baiano Igor Liberato compartilhou com o mundo no último dia 4 de setembro o primeiro single do trabalho, a pop Tudo Que Cê Gosta. O desenrolar da criação começou a ser desenvolvido no final de 2019, a partir de um incômodo do músico com certa falta de unidade sonora que observara em suas últimas composições.

“Já participei de outros projetos musicais, estava parado nesse momento, mas fui convidado a fazer alguns shows pontuais. Então, comecei a produzir algumas músicas em casa mesmo, em home studio, para criar essa sonoridade que seria usada nesses shows, nem era (o planejamento de) um disco ainda”, conta ele em entrevista por telefone ao Jornal do Commercio. “Tudo Que Cê Gosta foi a primeira que ouvi e achei legal, a primeira que ‘deu certo’”, brinca.

Leia também:

>> Banda NDK lança 'Lua', primeiro single do álbum 'O Selenita'

>> É como ter uma videoteca em casa: confira conteúdos disponíveis para visualização gratuita

A partir desse primeiro impulso e com a ajuda de alguns amigos produtores, Igor foi trabalhando aos poucos nas outras oito canções que formarão, a princípio, um EP previsto para chegar às plataformas de audição online ainda em novembro deste ano. Ele destaca que a coluna vertebral das letras e melodias fazem jus ao período em que foram gestadas, o verão 2019 – 2020.

“É um clima solar, eu queria que fossem músicas que funcionassem a qualquer hora, claro, mas que tivessem aquela cara de música para ouvir de dia. E todas elas têm um certo eixo, que é a tentativa de estabelecer comunicação, seja com outra pessoa ou consigo”, diz.

Cenógrafo, designer e arquiteto, Igor foi responsável ainda por criar as ilustrações presentes no videoclipe disponibilizado junto à faixa. O registro em animação e dirigido também por ele intercala imagens nas quais aparece parte da letra da música e cenas em que o rosto do artista surge em destaque, com traços que ele já costumava usar em outros projetos.

“Fui percebendo que tenho várias formas de falar a mesma coisa, por isso aparecem ali diversas figuras minhas, mas que passam a mesma mensagem. Gravei meu rosto cantando e fui desenhando por cima, viajando nessas possibilidades”.

Por enquanto, o foco principal de divulgação da nova etapa tem sido as redes sociais, em movimentações como o quadro Live de Uma Música Só, em que Igor canta apenas uma canção ao vivo por vez.

BRASIL E ESPANHA

Tudo Que Cê Gosta teve colaboração do espanhol Carles Campi Campón na produção.

“Quando comecei a criar essa identidade, encontrei o último disco do uruguaio Jorge Drexler (Salvavidas de Hielo, de 2017), indicado a vários prêmios, e fui olhar a ficha técnica. Lá encontrei o nome do Campi e resolvi mandar um e-mail, achei que ele nem fosse responder. Ele não só respondeu, como fez isso já com o número do telefone, foi super aberto. Ele é casado com uma brasileira, fala português super bem, nossa ligação foi ótima”, relembra Igor.

Além deste primeiro single, Campón produzirá todas as outras faixas que, além do EP, vão compor também o álbum que o baiano quer trazer à tona em 2021.

Aos 27 anos, Igor tem ouvido e se inspirado em artistas contemporâneos a si, dos quais ele cita Tim Bernardes, Silva, os pernambucanos Barro e Almério, além dos conterrâneos Illy, Livia Nery, a banda Flerte Flamingo e a merecidamente ovacionada cantora e compositora Luedji Luna.

O próximo single de Igor Liberato, o último antes da chegada do EP e do disco completo, se chamará Fala Bonito, um flerte com o funk carioca que estará disponível para audição a partir do início de outubro.

ASSISTA AO VIDEOCLIPE DE TUDO QUE CÊ GOSTA:

O jornalismo profissional precisa do seu suporte.

Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias