Polêmica

Paolla Oliveira desmente fake news sobre prostituição de atrizes da Globo e governo Bolsonaro

Atriz diz que está sendo intimidada por se posicionar contra Bolsonaro

Marília Banholzer
Marília Banholzer
Publicado em 15/09/2021 às 20:17
Notícia
Paolla Oliveira se posicionou sobre Jair Bolsonaro (Imagem: Reprodução)
Paolla Oliveira se posicionou sobre Jair Bolsonaro (Imagem: Reprodução)
Leitura:

A atriz global Paolla Oliveira precisou se manifestar através de suas redes sociais, nesta quarta-feira (15), para desmentir uma notícia de que ela teria dado uma entrevista à revista Caras, na qual teria dito que "a prostituição será a única forma de sobrevivência das atrizes da Globo caso Bolsonaro seja reeleito".

Em seu post no Instagram a atriz disse: "Está circulando uma MENTIRA (famosa FAKE NEWS) por aí, de um site que eu nunca ouvi falar, sendo compartilhada sobre uma suposta declaração que eu NUNCA DEI à revista Caras. Nunca existiu."

Paolla reafirmou que nunca haverá uma matéria verídica com esse tipo de conteúdo, "porque eu simplesmente nunca diria isso, envolvendo uma empresa e outras colegas e profissionais, inclusive". A atriz ainda convidou os interessados a "jogar palavra por palavra no Google" para tentar encontrar reprodução de tal fala - apenas na página que está divulgando a fake news.

"Mais uma narrativa tentando intimidar quem se posiciona ou se opõe a esse governo. Dessa vez fui eu a vítima. Sempre tive compromisso com a verdade e não vai ser agora que meu nome estará envolvido em notícias falsas (fake news)! Outra coisa, a prostituição não deveria servir como forma de atacar alguém. Eu tenho muito respeito por todas as mulheres, elas estejam desempenhando a função que for, por necessidade ou por vontade. Combato a opressão, o abuso infantil, a exploração da mulher, o machismo, o sexismo, a misoginia, mas JAMAIS julgarei alguém por suas decisões. Porque eu tenho respeito pelo ser humano, ao contrário de quem perde tempo pra inventar mentiras."

Veja o post ao qual Paolla Oliveira se refere como fake news:

REPRODUÇÃO
Print da fake news rebatida por Paolla Oliveira - REPRODUÇÃO

 

Comentários

Últimas notícias