TECNOLOGIA

Pix: conheça as novas funcionalidades de 2021 anunciadas pelo Banco Central

Transações no Pix neste mês de janeiro já superaram TEDs e DOCs juntos, segundo o BCB

Lucas Moraes
Cadastrado por
Lucas Moraes
Publicado em 28/01/2021 às 15:45 | Atualizado em 28/01/2021 às 15:51
Marcello Casal Jr/Agência Brasil
Pix é o sistema de pagamentos instantâneos brasileiro - FOTO: Marcello Casal Jr/Agência Brasil
Leitura:

Nesta quinta-feira (28), o Banco Central do Brasil (BCB) deu início à 12 Reunião Plenária do Fórum Pix. A primeira reunião a ser realizada em 2021 e também após a entrada em funcionamento do sistema brasileiro de pagamentos instantâneos, embora fechada à imprensa por tratar de questões técnicas, teve em sua abertura a confirmação das entregas que serão feitas ao longo deste ano. 

Para este primeiro semestre de 2021, o BCB trabalha com as entregas de funcionalidades que ampliem as possibilidades de uso do Pix. Lançado no mês de novembro de 2020, o sistema já conta com mais de R$ 150,3 bilhões movimentados em 2020, em cerca de 176 milhões de transações. Segundo o BCB, chegou inclusive a ultrapassar em janeiro o total de transações em TEDs e DOCs somados. 

Dentro da agenda evolutiva do Pix de 2021, o Banco Central aponta que está entre as prioridades o "desenvolvimento de novos produtos e aperfeiçoamento do que está disponível", para que o "meio de pagamento atenda cada vez mais a necessidade da sociedade brasileira". Para isso, o BCB trabalha para entrega ainda neste ano:

Conta Salário no Pix

possibilidade do pagamento da remuneração dos trabalhadores de forma instantânea

Integração dos aplicativos participantes (bancos, carteiras digitais, etc) com a lista da contato dos smartphones

Ferramente que tem como objetivo facilitar a interação com a chave Pix, já que na lista de contatos já estão salvos e-mails e números de telefone (chaves)

Mecanismo de devolução de recursos

Proteção adicional aos usuários para em caso de "fundada suspeita de fraude ou falha operacional"

Saque Pix 

Funcionalidade para saques em estabelecimentos comerciais e parceiros mediante realização de PIX. A ideia é que o usuário fala a transação para o estabelecimento e receba em o dinheiro em espécie

Pix por aproximação

Para casos específicos que demandam transações por aproximação e maior facilidade nas transações

Iniciador de pagamento no Pix

A iniciação possibilita o comando de pagamentos por meio de diferentes instituições, a pedido do cliente, independentemente de onde estão domiciliadas as contas envolvidas na transação. No caso do PIX, será seguido o cronograma do open bank

Outras entregas

Já para o segundo semestre, o foco do Banco Central será na especificação de outras duas funcionalidades:

Pix Garantido 

Parcelamento de transações e compras no Pix

Pix Débito Automático

Pagamento por débito automático no Pix, para efetivação de pagamentos recorrentes

O Banco Central do Brasil também fechou um acordo de cooperação técnica com a Conexis, que reúne as empresas de Telecom e conectividade. O objetivo é trazer sinergia entre os grupos de trabalho do BCB e das teles, que estão de olho no serviço Pix Cobrança. Essa funcionalidade permite o pagamento de boletos via PIX. Para as operadoras uma oportunidade de reduzir os custos para recebimento do pagamento dos cientes pós-pagos, cerca de 50% da base de clientes atualmente no País. 

Comentários

Últimas notícias