Oportunidade

Prefeitura de Igarassu autoriza abertura de seleção com salário de R$ 9,8 mil

A contratação terá validade de 12 meses, podendo ser, prorrogada por igual período

Cássio Oliveira
Cássio Oliveira
Publicado em 05/05/2021 às 9:02
Notícia
MARCELO CASAL JR/AGÊNCIA BRASIL
As informações foram publicadas no Diário Oficial dos Municípios - FOTO: MARCELO CASAL JR/AGÊNCIA BRASIL
Leitura:

A Prefeitura de Igarassu, na Região Metropolitana do Recife, autorizou a abertura de seleção simplificada para a contratação de 15 médicos de atenção primária, sendo uma reservada para pessoa com deficiência.

De acordo com a gestão municipal, os contratados irão atuar em Unidades da Saúde da Família do município, com carga horária semanal de 40 horas e remuneração de R$ 9,8 mil.

>> Abertas as inscrições para seleção de Fernando de Noronha com salários que chegam a R$ 5,4 mil

>> Prefeitura de Inajá, em Pernambuco, abre inscrições para seleção simplificada com 36 vagas

A contratação temporária tem como objetivo reforçar o enfrentamento da pandemia de covid-19 na cidade. A contratação terá validade de 12 meses, podendo ser, prorrogada por igual período.

Os critérios da Seleção Pública Simplificada, como data da inscrição e como fazê-la, ainda serão estabelecidos em Portaria expedida pelo secretário municipal de Saúde.

De acordo com o Diário Oficial, os médicos de atenção primária deverão atuar como clínico ou especialista; estabelecer conduta com base na suspeita diagnóstica; requisitar, analisar e interpretar exames complementares, para fins de diagnósticos e acompanhamento clínico; realizar registros nos prontuários; realizar cirurgias e tratamentos específicos; realizar atividades laboratoriais; entre outras demandas.

A Prefeitura tem como requisito para a vaga a necessidade de apresentação do diploma ou declaração de conclusão do curso de medicina, em instituição reconhecida pelo MEC; diploma ou declaração de conclusão de Residência ou especialização em Medicina de Família e Comunidade; registro do Conselho Regional de Medicina de Pernambuco e Registro da Especialidade.

Comentários

Últimas notícias