PROJETO EMPREENDER

Pretende abrir o próprio negócio? Veja dicas para enfrentar a burocracia

Empresa de jardinagem no Recife facilitou processos burocráticos com contador e cursos do Sebrae

JC
JC
Publicado em 29/05/2021 às 13:06
Notícia
JAILTON JR/JC IMAGEM
Lucíola Vilarim, jardineira e dona da Lumeeiro, loja de plantas e flores - FOTO: JAILTON JR/JC IMAGEM
Leitura:

Tirar uma ideia empreendedora do papel para colocá-la em prática não é uma tarefa fácil. Qual o segredo para não deixar o sonho de ter o próprio negócio de lado, principalmente agora durante este delicado momento de pandemia que o mundo vive? Foi pensando em questões como esta a jardineira e estudante de paisagismo Lucíola Villarim decidiu apostar em uma loja que vende plantas, flores, vasos e insumos.

"Comecei com uma loja no Instagram, produzindo arranjos e terrários com cactos e suculentas. Os meus clientes começaram a pedir plantas ornamentais e queriam vê-las pessoalmente. Nesta época, eu trabalhava no meu apartamento e não tinha essa abertura, um local para um atendimento mais profissional. Por isso, fomos em busca de um local em que a gente pudesse abrir nosso próprio espaço físico", conta.

A Lumeeiro, na Madalena, na Zona Oeste do Recife, surgiu em meio à pandemia da covid-19 e hoje oferece plantas ornamentais, insumos como adubos, substratos, cascas de pinus, argila expandida e também elabora projetos de jardins e de ambientes internos. Para deixar a empresa estruturada, Lucíola também teve que encontrar ajuda para lidar com questões burocráticas e regularizar seu novo empreendimento.

"Antes de abrir, iniciei alguns cursos online que o Sebrae oferece, como fluxo de caixa, como aprender a empreender, e, posteriormente, busquei o próprio Sebrae Pernambuco. Também fui atrás de um contador para nos auxiliar na parte financeira mais burocrática. Isso foi muito importante para meu negócio dar certo", comenta.

Assista ao vídeo completo abaixo:

Comentários

Últimas notícias