Empreendedorismo

Cresce em Pernambuco procura por empréstimos para pequenos negócios

Financiamentos feitos pela Agência de Empreendedorismo de Pernambuco (AGE) cresceram 20% e atingiram R$ 2,3 milhões no mês passado

Edilson Vieira
Cadastrado por
Edilson Vieira
Publicado em 27/04/2022 às 16:31
Divulgação
Mais de 2,3 mil pessoas e empresas recorreram a crédito para investimento em seus negócios no primeiro trimestre de 2022 - FOTO: Divulgação
Leitura:

Cada vez mais os pernambucanos estão investindo em negócios próprios e buscando financiamento para investir. Só os financiamentos contratados pela Agência de Empreendedorismo de Pernambuco (AGE) cresceram 20% em março, na comparação com fevereiro deste ano, atingindo R$ 2,3 milhões liberados para um total de 868 beneficiários. Do montante de recursos liberados em março, R$ 2,1 milhões, a grande maioria (90%) foram no segmento de microcrédito, em linhas como Crédito Popular e CredJovem Empreendedor.

“O microcrédito vem se consolidando como uma importante modalidade de financiamento, que promove inclusão socioprodutiva ao ajudar milhões de pequenos empreendedores, formais e informais, na ampliação de seus negócios, na compra de equipamentos, para aumentar estoques, fazer reformas etc.”, destacou o diretor-presidente da AGE, Márcio Stefanni.

BENEFICIADOS

O Crédito Popular foi librado para cerca de 20 mil pessoas no Estado, em pouco mais de dois anos. São pequenos agricultores, donos de mercadinhos, salões de beleza, lojas de roupas, lanchonetes, entre outros negócios. A taxa de juros é prefixada em 0,50% ao mês para quem paga em dia. O limite é de até R$ 5 mil, podendo ser contratado tanto de modo individual quanto em grupo solidário, com prazo de pagamento em até 14 meses, sendo dois meses de carência.

Em março deste ano a AGE lançou uma nova linha de microcrédito voltada a jovens de 18 a 29 anos. O CredJovem Empreendedor financia até R$ 7 mil, com prazo de pagamento em até 18 meses e taxa de juros também prefixada de 0,75% ao mês, considerando o bônus de adimplência. Os recursos podem ser solicitados por pessoa física interessada em se formalizar ou por Microempreendedor Individual (MEI) já formalizado, residente e que esteja empreendendo em Pernambuco há pelo menos seis meses.

NÚMEROS

No acumulado de janeiro à março deste ano, já foram liberados R$ 6,8 milhões em financiamentos para mais de 2,3 mil pessoas e empresas. Comparado ao primeiro trimestre de 2020, primeiro ano da pandemia da Covid-19, o crescimento é de 75%. Considerando o período de março de 2020 a março de 2022, o montante liberado chega a R$ 78,7 milhões para mais de 22,5 mil pessoas e empresas em todas as regiões de Pernambuco.

Além das linhas de microcrédito, a AGE disponibiliza diversas outras opções de financiamento. Uma das mais procuradas é o CredAGE Retomada, que oferece até R$ 500 mil, no caso das empresas de pequeno porte (EPP). A taxa de juros é de 0,99% ao mês, incluindo o bônus de adimplência. O valor pode ser parcelado em até 36 meses, com três meses de carência. Para MEIs, o limite nesta linha é de R$ 21 mil, chegando a R$ 100 mil para as microempresas (MEs).

ACESSO

Pessoas e empresas interessadas em fazer um financiamento com a AGE podem acessar www.age.pe.gov.br para conhecer todas as opções disponíveis, consultar as condições de cada linha e fazer o pré-cadastro. O atendimento também é feito pessoalmente nas Centrais de Oportunidade de Pernambuco (Copes), locais onde a AGE atua ao lado da Agência do Trabalho, do Expresso Empreendedor e da Junta Comercial do Estado (Jucepe). Dúvidas podem ser tiradas pelo telefone/WhatsApp (81) 3183.7450.



Comentários

Últimas notícias