futebol

Atacante Roberto Firmino ''cotado'' para o Nobel da Paz

O alagoano, do Liverpool e da seleção brasileira, é cotado nas casas de apostas para receber o Prêmio Nobel da Paz

Karoline Albuquerque
Karoline Albuquerque
Publicado em 29/09/2020 às 20:24
Notícia

Foto: reprodução da internet
Um site de torcedores do Liverpool listou os motivos pelos quais Roberto Firmino merece o prêmio. - FOTO: Foto: reprodução da internet
Leitura:

O Prêmio Nobel da Paz deste ano será entregue no próximo dia 9 de outubro e a maior probabilidade é que a Organização Mundial da Saúde (OMS) receba o reconhecimento pelo combate à covid-19. Mas, a lista de personalidades com chance de receber o prêmio, de acordo com um site de apostas, traz alguns nomes no mínimo curiosos. Entre eles, o atacante do Liverpool e da seleção brasileira Roberto Firmino. O alagoano aparece em 11º lugar na estatística.

Segundo o OddScheker, Firmino tem chances similares de conquistar o Nobel, empatado com os políticos Vladimir Putin (Rússia), Elizabeth Warren (EUA), Emmanuel Macron (França) e Volodymyr Zelensky (Ucrânia), a presidente do Banco Central Europeu Christine Lagarde, a diretora-geral do Fundo Monetário Internacional (FMI) Kristalina Georgieva e Julian Assange, fundados do site WikiLeaks.

 

Logo que o nome do atacante alagoano surgiu entre os candidatos, em maio, o portal Tribuna, no blog de torcedores do Liverpool, em inglês, listou motivos pelos quais Firmino merece o prêmio. "O sorriso dele pode parar qualquer conflito no mundo", destaca a lista dos fãs dos Reds.

Além de Roberto Firmino, apenas outro atleta figura na lista de possibilidades. Colin Kaepernick, jogador de futebol americano e ativista de direitos civis, é citado com 1% de chance de receber o prêmio, pelas estatísticas do site Betfair.net.

No topo das apostas, além da OMS, aparecem a ativista ambiental sueca Greta Thunberg, de 17 anos, seguida pela primeira-ministra da Nova Zelândia Jacinda Ardern. Alguns nomes na lista de apostas do OddScheker são, no mínimo, curiosos, como o presidente norte-americano Donald Trump e o líder norte-coreano Kim Jong-Un.

Entregue desde 1901, cem edições prêmios Nobel da Paz já foram entregues, com 134 laureados, sendo 107 pessoas e 27 organizações. O físico Józef Rotblat tem o recorde de pessoa mais velha premiada, com 87 anos em 1995. A ativista paquistanesa Malala Yousafzai foi a pessoa mais jovem premiada, em 2014, com apenas 17 anos. Apenas 17 mulheres já receberam o Nobel da Paz.

O estadista etíope Abiy Ahmed Ali é o atual vencedor. Este ano, o Prêmio Nobel da Paz recebeu 318 candidaturas, sendo 211 pessoas e 107 organizações. Este é o quarto maior número de indicações da condecoração. O recorde atual é de 2016, com 376 candidatos. Se não ganhar, para saber se Roberto Firmino realmente estava na lista da organização, o mundo terá que esperar meio século. Os nomes dos indicados, porém, só podem ser divulgados 50 anos após o prêmio.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte.

Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias