ARENA DE PERNAMBUCO

Atuações do Clássico das Emoções: Kieza é o cara do jogo

Atacante foi decisivo com dois gols e boa movimentação. O negativo foi Derley, que errou um passe no primeiro tempo que, se não fosse o goleiro Jordan, a bola estava nas redes.

JC
JC
Publicado em 09/05/2021 às 23:42
Notícia
ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
Kieza fez dois gols no Clássico das Emoções. - FOTO: ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
Leitura:

Por Marcelo Cavalcante

O Clássico das Emoções que definiu o primeiro finalista do Campeonato Pernambucano tinha um favorito antes da bola rolar. E quando o duelo começou, o Náutico confirmou sua superioridade técnica diante do Santa Cruz. O Timbu venceu o Tricolor, por 2x1, jogando melhor boa parte dos mais de 90 minutos e, se não tivesse relaxado tanto nos minutos finais do clássico, teria vencido sem tomar sustos.

O Náutico é dono da melhor campanha da competição, enquanto o Santa Cruz segue naquela busca de identidade, fruto de um planejamento (ou seria falta dele?) que contratou um caminhão de jogadores e em Bolívar, o seu terceiro treinador, começando um trabalho. Ou seja, enquanto os tricolores buscam um caminho, os alvirrubros estão coeso em busca do seu objetivo: o título.

Náutico responde Santa Cruz nas redes sociais e alfineta divisão do rival tricolor

Digital influencer e tricolor, Ney Silva detona direção e elenco do Santa Cruz

Kieza dedica gols à mãe e diz que Náutico está preparado para qualquer adversário na final

Na partida, o Náutico foi mais compacto e organizado. Foi o time que buscou vencer. O Santa Cruz, por outro lado, tinha uma postura mais defensiva. Sem saída de bola. Algo que só melhorou quando Timbu já tinha o resultado nas mãos.

O destaque positivo da partida foi Kieza. Claro que outros jogadores do time alvirrubro se destacaram, mas o atacante foi decisivo com dois gols e boa movimentação. O negativo foi Derley, que errou um passe no primeiro tempo que, se não fosse o goleiro Jordan, a bola estava nas redes.

 

ATUAÇÕES

Náutico

Alex Alves - Quase não foi acionado. E quando foi, mostrou segurança. Não teve culpa no gol tricolor, marcado por Paiva, contra. Nota: 6

Hereda - Boa partida do jovem lateral. Atento na defesa e sempre aparecendo como opção ofensiva. Num jogada individual saiu o cruzamento para primeiro gol do jogo. Nota: 7

Wagner Leonardo - Como era esperado, tomou a posição de Ronaldo Alves. E, num jogo importante que valia vaga na final, foi importantíssimo. Ganhou todas as bolas que disputou. Nota: 7,7

Camutanga - Titular absoluto da defesa alvirrubra (quem diria, hein?). Mostra a velha segurança de sempre. Nota: 7

Bryan - Surpresa na partida. Entrou no lugar de Rafinha. Não comprometeu, mas também não foi brilhante. Porém, esta na área, brigando pela bola, quando sofreu o pênalti que originou o segundo gol do Timbu. Nota 7

Djavan - É aquele volante que aparece pouco para torcida. Mas, taticamente, é importante. E está afinado com seu companheiro de posição. No entanto, limita-se praticamente à marcação. Nota: 6. Matheus Trindade entrou no seu lugar e manteve o mesmo nível, embora tenha tomado um amarelo desnecessário ao fazer uma falta dura no meio de campo. Nota 5

Rhaldney - É o dono do meio de campo do Náutico. Marca, destrói e distribui o jogo. Fez uma grande partida, mais uma vez. Nota: 8. Marciel entrou no seu lugar para segurar mais o jogo. Nota 6

Jean Carlos - Não foi o mesmo jogador de outras jornadas. Mas também não se pode dizer que foi peça nula. Pode render mais. Nota 5 . Luiz Henrique foi acionado e pouco acrescentou ao time alvirrubro. Nota: 5

Erick - Não brilhou como antes. Buscou se movimentar na frente, mas sem tanta velocidade e ímpeto como em outras jornadas. Nota: 5

Kieza - Mostrou porque é artilheiro do Pernambucano. No primeiro gol, foi oportunista para estufar as redes diante de uma defesa atônita. No segundo, tranquilidade na cobrança de pênalti. Nota: 8,5. Paiva entrou no seu lugar e.... fez um gol contra. Nota: 4.

Vinícius - É um jogador importante no esquema de Hélio dos Anjos, mas estava fora de órbita. Lento, não contribuiu como devia. Nota 4. Giovanny entrou no seu lugar e também não rendeu o que se esperava. Nota: 4.

Santa Cruz

Jordan - Mais uma vez o melhor jogador do time em campo. Frio, seguro e ainda mostra elasticidade. Apesar dos dois gols, fez defesas salvando o Tricolor de um derrota mais elástica. Nota: 7.

Digão - Vinha fazendo uma partida razoável. Até que, no segundo tempo, perdeu uma bola boba e cometeu um pênalti mais bobo ainda. Nota: 4.

William Alves - Joga sério como sempre, mas vacilou no primeiro gol do Náutico, assim como toda a defesa. Nota: 5,5

Breno Calixto - Poderia até escrever o mesmo texto do seu companheiro de zaga. Mas tem um detalhe a mais: é mais truculento e cabeça quente. Tem calma, rapaz. Nota: 5.

Eduardo - Deu ruim, não foi? Pegou Hereda bem no jogo e praticamente não apareceu no jogo. Penou para marcar e não encontrou espaços para ir ao ataque. Nota 4

Derley - Capitão do time. Tem raça, marca. No entanto, os passes foram seu maior pecado. Entregou uma bola para Kieza. Jordan foi quem evitou o pior. Foi substituído o intervalo. Nota: 4. Karl entrou em seu lugar, não comprometeu e ainda cobrou a falta que originou o tol tricolor. Nota 5.

Elicarlos - Errou menos do que seu companheiro de posição. Porém também não mostra qualidade na saída de jogo que tanto o Santa Cruz precisava. Foi substituído no intervalo. Augusto entrou na sua vaga e deu mais mobilidade ao meio de campo. Nota: 6

Chiquinho - Não foi o que se esperava, mas tentou conduzir como pode o Santa Cruz ao ataque. Nota: 6,5

Bustamante - Seu papel era imprimir velocidade pelo lado direito do campo. Mas foi em vão. Pouco se viu em campo. Nota: 4. França entrou no seu lugar e quase nada fez. Nota: 4.

Pipico - Está, de fato, em má fase. Quase não foi visto em campo. Nota: 4. Léo Gaúcho foi acionado e nada acrescentou. No último lance da partida, bateu uma falta longe do gol. Nota: 4

Madson - Outro atacante que foi a campo para dar mais velocidade ao setor. Só que pouco produziu. Nota: 4. Adriano Michael Jackson foi até melhor. Pelo menos finalizou. Nota: 5.

Comentários

Últimas notícias