GINÁSTICA ARTÍSTICA

Caio Souza não vai bem na final do salto e se despede de Tóquio sem medalhas

O ginasta acabou caindo sentado em um dos seus saltos na final dos Jogos de Tóquio 2020

Túlio Feitosa
Túlio Feitosa
Publicado em 02/08/2021 às 7:45
Notícia
LIONEL BONAVENTURE / AFP
Caio acabou falhando no pouso do segundo salto e ficando de fora do pódio nos Jogos de Tóquio - FOTO: LIONEL BONAVENTURE / AFP
Leitura:

Não foi dessa vez que a ginástica artística masculina rendeu medalhas para o Brasil nos Jogos Olímpicos. Após Arthur Zanetti ir mal na final das argolas, o ginasta Caio Souza também não foi bem na final do salto e ficou de fora do pódio.

Caio tentou surpreender com dois saltos difíceis. Na primeira tentativa, ele se desequilibrou durante o pouso mas só precisou tirar um pé da linha para conseguir ficar em pé. Já no segundo salto, o ginasta brasileiro acabou caindo de bunda e perdendo um ponto, que o tirou da disputa. Caio acabou com 13.683 de média, ficando na 8ª posição.

Essa foi a primeira Olimpíada do atleta, de 27 anos. O ginasta também disputou a final do individual geral, mas também não teve sucesso.

O ouro foi conquistado pelo sul-coreano Jea-hwan Shin, com 14.783, seguido do russo Denis Ablyazin, que empatou a pontuação com o atleta da Coreia do Sul, mas acabou ficando com a prata pela dificuldade dos saltos como o critério de desempate. O bronze foi para o armênio Artur Davtyan, que ficou com 14.733 de média.

Fora do pódio na final do solo, também nesta segunda, Rebeca fechou a Olimpíada de Tóquio com duas medalhas. Finalizando a participação brasileira na ginástica artística, Flávia Saraiva irá disputar a final na trave nesta terça-feira (3), a partir das 6h54min, no horário de Brasília.

Shin Jea-hwan

Comentários

Últimas notícias