PROTESTO

Após mais uma derrota na Série B, torcida protesta no desembarque da delegação do Náutico

Cerca de 50 torcedores foram ao Aeroporto Internacional dos Guararapes protestar pelo mau momento da equipe timbu na Segundona

Filipe Farias
Filipe Farias
Publicado em 10/10/2020 às 17:49
Notícia

cortesia
Cerca de 50 torcedores foram ao Aeroporto Internacional dos Guararapes protestar no desembarque da delegação do Náutico - FOTO: cortesia
Leitura:

Após ser derrotado para o América-MG, por 2x0, na sexta-feira (9), em Belo Horizonte, e chegar há cinco rodadas sem vitórias na Série B (três derrotas e dois empates), o Náutico começa a sentir de perto a cobrança do seu torcedor. No desembarque da delegação alvirrubra no final da tarde deste sábado (10), cerca de 50 torcedores foram ao Aeroporto Internacional dos Guararapes protestar pelo mau momento da equipe timbu na competição, que está a um ponto da equipe que abre a zona do rebaixamento.

De acordo com relatos obtidos pela reportagem do Jornal do Commercio, assim que jogadores, comissão técnica e diretoria desembarcaram no saguão do aeroporto, eles foram abordados com palavras de cobranças por melhores resultados na Segundona. Em alguns momentos, o diálogo ficou mais acalorado, mas as cobranças verbais permaneceram e não foi relatado nenhum tipo de agressão física.

No momento do incidente, segundo foi relatado ao JC, apenas três Policiais Militares estavam presentes no aeroporto. Diante de um clima de insegurança, a delegação alvirrubra rapidamente se dispersou - alguns subiram no ônibus do clube que estava estacionado, outros solicitaram motoristas por aplicativo.

O Náutico não terá muito tempo para lamentar a derrota para o América-MG, já que nesta segunda-feira (12), a equipe alvirrubra volta a campo, quando encara a Ponte Preta, às 20h, no estádio dos Aflitos, pela 16ª rodada da Série B. Para este confronto, Gilson Kleina terá à disposição o volante Rhaldney e o meia Jorge Henrique, que ficaram de fora das últimas rodadas por terem sido testados positivos para a covid-19.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte.

Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias