NÁUTICO

Diretoria do Náutico se anima após desempenho contra o Vitória

O Náutico se encontra na zona de rebaixamento, porém teve bom desempenho no empate contra o Vitória

Pedro Alves
Pedro Alves
Publicado em 26/11/2020 às 12:49
Notícia

BOBBY FABISAK/JC IMAGEM
Presidente do Náutico, Edno Melo, concedeu entrevista para a Rádio Jornal. - FOTO: BOBBY FABISAK/JC IMAGEM
Leitura:

Apesar do resultado de empate diante do Vitória, o desempenho do Náutico dentro de campo com um perfil mais aguerrido, animou a diretoria do clube alvirrubro pensando em uma evolução e em um possível reencontro com o caminho das vitórias.

Em entrevista para Ralph de Carvalho, da Rádio Jornal, o presidente do Náutico, Edno Melo, analisou o desempenho da equipe e afirmou que todos os envolvidos com o futebol estão trabalhando para tirar a equipe alvirrubra da zona do rebaixamento. 

OUÇA A ENTREVISTA NA ÍNTEGRA:

“Realmente a gente viu outro jogo. Um time mais aguerrido, mais compacto e que não deixou o Vitória jogar e isso realmente anima. Uma hora a bola vai entrar e a gente vai reverter essa situação. A diretoria está trabalhando o tempo todo. A gente não tá falando muito, porque não adianta está falando o tempo todo. O que adianta é tá concentrado no problema. A gente trocou gerente de futebol, trocou técnico, trocou e botou jogadores… Só esse fato, a gente já está admitindo que aconteceram alguns erros e estamos corrigindo. A torcida pode ficar tranquila porque estamos trabalhando para reverter essa situação”, disse.

Um dos pilares da gestão comandada por Edno Melo é manter os salários em dias. Como consequência para manter os pagamentos regularizados, a folha do Clube Náutico Capibaribe é a terceira menor da Série B, de acordo com o mandatário alvirrubro. Mas, o elenco conta com jogadores com nomes mais experientes e são esses atletas que a diretoria do Náutico mantém a expectativa de assumir a responsabilidade para tirar o time da atual situação.

“Temos a terceira menor folha da Série B, é difícil fazer futebol, mas se você olhar para o time do Náutico você não acredita que está brigando para não cair. É um time que você vê jogadores experientes como Ronaldo (Alves), Kieza, Jorge Henrique.. então essa montagem do elenco se deu mais por isso, pessoas mais cascudas e pessoas que na hora de um momento desse assumam a posição, que precisam tirar o Náutico da situação. Tudo que a diretoria pode fazer, a diretoria tá fazendo. E o pagamento dos salários em dia é um dos pontos que a gente não abre mão”, afirmou.

PODCAST

No décimo terceiro episódio do Na Cara do Gol, podcast do futebol pernambucano da Rádio Jornal, Alexandre Costa, Maciel Junior, Lilian Fonsêca e Marcos Leandro analisam a situação do Náutico na Série B do Campeonato Brasileiro. O programa vai ao ar toda segunda-feira, no canal da Rádio Jornal no YouTube.

 

Comentários

Últimas notícias