SÉRIE B

De olho no ataque do Guarani, Hereda garante Náutico focado para conquistar a vitória

Timbu visita o Bugre nesta sexta-feira (11), no Brinco de Ouro, às 21h30

LOURENÇO GADÊLHA
LOURENÇO GADÊLHA
Publicado em 11/06/2021 às 14:05
Notícia
ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
LATERAL Hereda pregou atenção ao ataque do Guarani para fazer um bom jogo - FOTO: ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
Leitura:

Embalado após vencer os dois primeiros jogos da Série B, o Náutico vai para mais um desafio fora de casa, contra o Guarani. O Timbu, que ainda não foi vazado, enfrenta um adversário que tem a melhor média de gols marcados ao lado do CRB, ambos com seis. E foi justamente o poderio ofensivo do Bugre, em especial, a velocidade, que chamou atenção do lateral-direito Hereda para o desafio desta noite, às 21h30, no Brinco de Ouro, em Campinas.

"O Guarani é uma equipe muito boa, com bons jogadores individuais e boa também coletivamente. Eles tem um ataque muito rápido, mas é uma coisa que a gente vai conversar com o professor e ele vai ver a melhor forma para gente desempenhar um bom jogo. A gente tem que estar focado, fazendo bons jogos para fazer uma campanha boa na Série B", afirmou o lateral.

 

O início de Série B com duas vitórias em dois jogos têm sido bem diferente da largada em 2020, quando o Náutico iniciou mal e teve problemas no decorrer da competição. Segundo Hereda, o foco exigido pelo técnico Hélio dos Anjos é um dos principais motivos para essa mudança de postura dos atletas.

"A gente vem falando bastante do ano passado, quando não começamos bem e tivemos bastante dificuldade no decorrer da competição. Esse ano a gente entrou mais forte do que antes, mais focado também, porque a gente sabe que a Série B não é fácil. A gente fica muito feliz em ter largado bem e espera manter essa sequência boa", concluiu.

O Náutico estreou na Segundona com duas vitórias por 1x0 diante do CSA, em casa, e do Vitória, no Barradão. Com seis pontos, o Timbu é o segundo colocado, com a mesma pontuação do Brusque, mas atrás no número de gols marcados, já que a equipe catarinense marcou um a mais. Além disso, o clube alvirrubro soma-se a Sampaio Corrêa e Goiás como os únicos que ainda não foram vazados na competição. O Guarani, por sua vez, é a equipe que mais fez gols (6) junto com o CRB. Promessa, portanto, de um duelo interessante entre defesa e ataque nesta noite, no Brinco de Ouro.

Comentários

Últimas notícias