LÍDER

Com Pipico iluminado, Santa Cruz vence o Paysandu e recupera liderança da Série C

Tricolor venceu o Papão por 2x1 com dois gols do camisa 9 coral e recuperou a liderança do Grupo A da Terceirona

Filipe Farias
Filipe Farias
Publicado em 11/10/2020 às 19:56
Notícia

BRENDA ALCÂNTARA/JC IMAGEM
Pipico marca os dois gols da vitória do Santa Cruz diante do Paysandu - FOTO: BRENDA ALCÂNTARA/JC IMAGEM
Leitura:

Em noite iluminada de Pipico, o Santa Cruz venceu o Paysandu por 2x1, neste domingo (11), no estádio do Arruda, e recuperou a liderança do Grupo A da Série C. O camisa 9 marcou os dois gols do Tricolor, enquanto que Vinícius Leite descontou para o Papão. Com a vitória, a equipe coral chegou aos 21 pontos e abriu dez pontos do time paraense (6º).

O próximo compromisso do Santa será contra o Treze, no próximo sábado (17), às 19h, no estádio Amigão, em Campina Grande.

O JOGO

Desde o apito inicial, o Santa Cruz mostrou o porquê terminou o turno na liderança do Grupo A da Série C. É bem verdade que não foram muitas as chances criadas, mas a atitude da equipe tricolor foi buscando adotar uma postura de jogo propositiva. Com os alas (Toty e Leonan) com bastante liberdade e dando amplitude ao time, além de Didira que buscava se movimentar para distribuir a bola.


Numa dessas, aos 21 minutos, o meia achou Jáderson com liberdade que acertou um chutaço de fora da área, mandando a bola no ângulo e obrigando Gabriel Leite a espalmar para escanteio.

Pressionando a marcação no campo adversário, o Santa colheria frutos por essa estratégia. Aos 33, Toty recuperou a bola pela direita, avançou pela direita e acertou um cruzamento perfeito para Pipico abrir o placar de cabeça: 1x0.

O Paysandu, por sua vez, aceitava a marcação coral e não conseguia oferecer perigo ao goleiro Maycon Cleiton, que não fez nenhuma defesa no primeiro tempo.

Na segunda etapa, a equipe paraense até que voltou buscando tirar a desvantagem do placar, mas foi a Cobra Coral que quase abre o placar. Aos sete, Pipico disparou um lindo chute de fora da área e mandou a bola no travessão. Mas o segundo gol do camisa 9 estava maduro e não demoraria a sair. Aos 10, após cobrança de escanteio de Leonan, Pipico subiu com entre os marcadores para testar firme e ampliar o placar: 2x0.

Sem muita opção, restava ao Paysandu se lançar ao ataque para, ao menos, buscar o primeiro gol e tentar o pressionar nos minutos finais. Aos 22, após escanteio para o Papão, a zaga coral afastou e, no rebote, Luiz Felipe acertou uma bomba obrigando Maycon Cleiton a fazer uma defesa importante.

Diante da pressão na reta final, os paraenses acabaram marcando o gol. Aos 35, Vinícius Leite cobrou falta, a bola desviou na barreira e engantou Maycon Cleiton: 2x1. Porém, a reação do Paysandu parou por aí; o Santa Cruz venceu a partida e recuperou a liderança do Grupo A da Série C.

Ficha do jogo

SANTA CRUZ

Maycon Cleiton; Toty, Danny Morais, Célio Santos e Leonan; Bileu, André (Tinga) e Didira (Mayco Félix); Jáderson (Peri), Lourenço (Negueba) e Pipico. Técnico: Marcelo Martelotte.

PAYSANDU

Gabriel Leite; Tony, Wesley Matos, Perema e Bruno Collaço (Diego Matos); Alex Maranhão (Luiz Felipe), Serginho (Juninho), Wellington Reis; Vinícius Leite, Uilliam Barros (Elielton) e Nicolas. Técnico: Matheus Costa.

Local: estádio do Arruda, Recife (PE).
Árbitro: Leonardo Ferreira Lima (PR).
Assistentes: Oberto da Silva Santos (PB) e Heitor Alex Eurich (PR).
Gols: Pipico, 33 minutos do 1º tempo. Pipico, aos 10, e Vinícius Leite aos 35 do 2º tempo.
Cartões amarelos: Célio Santos, Pipico, Peri, Danny Morais (STA) e Serginho, Vinícius Leite, Perema (PAY).

O jornalismo profissional precisa do seu suporte.

Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias