Arruda

Técnico do Santa Cruz afirma: "Temos que nos preparar para vencer"

Santa Cruz perdeu por 2x1 para o Vila Nova, na última rodada, da Série C

Davi Saboya
Davi Saboya
Publicado em 10/01/2021 às 22:19
Notícia

BOBBY FABISAK/JC IMAGEM
Tricolor do Arruda terá semana cheia antes da decisão contra o Brusque - FOTO: BOBBY FABISAK/JC IMAGEM
Leitura:

O técnico Marcelo Martelotte continuou confiante no acesso do Santa Cruz, mesmo a matemática coral tendo ficado mais complicada com a derrota diante do Vila Nova no sábado. Na visão dele, até se a Cobra Coral tivesse obtido o empate, iria continuar necessitando da vitória para uma conseguir uma vaga na Série B do Campeonato Brasileiro. Sendo assim, ele garantiu que, já no vestiário em Goiânia, os tricolores começaram a focar no três pontos na última rodada da Série C. A situação só vai ficar mais clara após o jogo da noite deste domingo, que falta ser disputado, entre Brusque x Ituano. Apenas o empate deixa os corais dependendo apenas de uma vitória para obter a classificação.

"Temos que nos preparar para vencer, independente da situação do Brusque. É o que precisamos e temos que nos concentrar", afirmou. "Infelizmente, o melhor resultado não veio (contra o Vila Nova). Estamos pensando numa vitória, se tivesse empatado não seria diferente. É nisso que temos pensado e é para isso que temos que nos preparar. Estou muito otimista em relação ao nosso acesso e em quanto tivemos chances vamos buscar o nosso resultado", completou.

LEIA MAIS

> Santa Cruz e seu drama na Série C

> “Estamos vivos na competição”, diz Martelotte sobre situação do Santa Cruz na Série C

> Fora de casa, Santa Cruz é derrotado pelo Vila Nova

Para a decisão de domingo contra o Brusque, às 18h, no Arruda, Martelotte não descartou realizar alterações na equipe. Ainda mais porque o Tricolor precisa vencer e o ataque não vive bom momento. Dos cinco gols marcados no quadrangular do acesso na Série C, apenas um foi marcado por um dos atacantes: o centroavante Victor Rangel. Além disso, o atacante Pipico enfrenta o grande jejum de gols. Artilheiro coral na temporada com 11 tentos, ele já não balança as redes há sete partidas e vem sendo o principal alvo das críticas dos torcedores.

"Nosso time é muito ofensivo. Sempre iniciamos com uma postura ofensiva. Vamos estudar as possibilidades durante a semana. Pode ser que aconteça alguma mudança. O importante é que nesses três últimos jogos aconteceram uma mudança de atitude. O time se entregou, lutou e teve boas atuações individuais", disse.

O técnico coral terá toda a semana para trabalhar a equipe de olho na decisão. Se não conseguir o acesso, o Santa Cruz completará três anos seguidos na Série C. "Com certeza, será mais um período de treinamentos que vamos trabalhar bastante e buscar alternativas", garantiu.

Comentários

Últimas notícias