Desabafo

''Muitos estão me criticando, mas mostro aqui dentro de campo'', diz Pipico após gol contra o Sport

O camisa 9 do Santa Cruz começou a partida no banco de reservas

Cássio Oliveira
Cássio Oliveira
Publicado em 14/03/2021 às 19:05
Notícia
BOBBY FABISAK/JC IMAGEM
MANTIDO Se depender do técnico João Brigatti, atacante Pipico vai permanecer cobrando pênaltis no time - FOTO: BOBBY FABISAK/JC IMAGEM
Leitura:

Saindo do banco de reservas, o atacante Pipico fez o gol que garantiu o empate do Santa Cruz, neste domingo (14), diante do Sport, no Arruda, pelo Campeonato Pernambucano. A equipe coral estava atrás do placar até os 39 do segundo tempo, mas o camisa nove recebeu uma bola dentro da área e não desperdiçou, cabeceando para o fundo das redes de Luan Polli.

>> Ouça os gols do empate entre Santa Cruz e Sport nas ondas da Rádio Jornal

>> Sport sai na frente, mas Santa Cruz busca empate no primeiro Clássico das Multidões de 2021

Para Pipico, começar no banco do Santa Cruz é uma novidade. O artilheiro coral não vive bom momento, foi questionado pela ausência de gols na etapa final da Série C e começou a temporada 2021 marcando apenas uma vez em seis jogos. O atleta havia balançado as redes pela última vez no triunfo do Santa Cruz, por 2x0, em 24 de fevereiro, contra o Vitória-PE, na rodada de abertura do Estadual. Agora, são dois gols em sete jogos na atual temporada.

Ouça o gol de Pipico na narração de Alexandre Costa, da Rádio Jornal:

Questionado sobre críticas ao seu rendimento, Pipico disse que absorve o que é positivo e tenta levar para dentro das quatro linhas. "Sou um cara que trabalho muito, me dedico muito, muitas pessoas estão me criticando, mas mostro aqui dentro (de campo). Isso é o resultado do meu trabalho, fala quem quer. Eu ouço, absorvo o que é bom para mim e boto aqui dentro e está aí, o gol, isso para muitos acalmar", comentou o atacante em entrevista à TV Globo.

Pipico ainda comentou sobre o desempenho do Santa Cruz nesse início de temporada. Na Copa do Nordeste, são três derrotas em três jogos. Quatro gols sofridos e nenhum gol marcado. A equipe coral é, inclusive, a lanterna do Grupo A da competição. Já no Pernambucano, o Tricolor do Arruda conseguiu uma vitória e dois empates e está na terceira posição do Estadual, podendo perder uma posição caso o Retrô vença seu jogo diante do Salgueiro, na quarta-feira (21). 

"Saímos atrás do placar, mas graças a Deus a equipe mostrou superação, mostrou determinação e isso foi fundamental para que pudéssemos fazer o gol do empate. Agora, é manter os pés no chão, não ganhamos nada, não conquistamos nada, temos muito a melhorar, a gente sabe disso, a gente se cobra muito disso e tenho certeza que as coisas vão mudar. Vamos dar sequência com mais trabalho, com mais vontade que vamos alcançar os nossos objetivo", concluiu Pipico.

João Brigatti

Sobre iniciar o jogo com Pipico entre os suplentes, o treinador do Santa Cruz, João Brigatti, disse ter procurado formar o time com atletas mais leves para o confronto deste domingo. "Estudamos a equipe do Sport e necessitávamos entrar daquela maneira para sermos competitivos e conseguimos, mas tivemos alguns problemas", comentou.

O técnico coral destacou que Pipico precisa de uma evolução na parte física. "Ficamos muito felizes com o comportamento do Pipico, ele ficou no banco, se propôs a ajudar a equipe. Ele é um centroavante nato, sabe fazer gol, já provou isso aqui no Santa Cruz. Precisa de um pouco mais de condicionamento físico, como outros atletas do elenco, mas a evolução será visível porque ele esta interessado", afirmou Brigatti.

Comentários

Últimas notícias