Brasileirão

Mesmo após fraco segundo tempo, Sport consegue importante vitória e rebaixa Botafogo na Série A

Leão abriu dois pontos de diferença para a zona de rebaixamento

Davi Saboya
Davi Saboya
Publicado em 05/02/2021 às 21:59
Notícia

Vítor Silva/BFR
Pênalti a favor do Sport que garantiu a vitória foi originada após chute de Marcão - FOTO: Vítor Silva/BFR
Leitura:

Não importava como. O Sport não podia sair do Rio de Janeiro com outro resultado que não fosse a vitória. E conseguiu. Apesar do recuo desnecessário em todo segundo tempo, o Leão venceu por 1x0 o Botafogo, ontem, no Engenhão, em partida válida pela 34ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. O gol da terceira vitória como visitante na competição foi marcado pelo zagueiro e artilheiro Maidana, de pênalti. Com o resultado, o time rubro-negro deixou a zona de rebaixamento e rebaixou o adversário carioca para a Segunda Divisão de 2021. Essa é a terceira vez na história que a Estrela Solitária vai jogar a Série B. O Sport agora é o 14º colocado com 38 pontos. O próximo jogo acontece na próxima quarta-feira contra o líder Internacional, às 19h, em Porto Alegre.

>> Veja um panorama de todos os participantes da Copa do Nordeste 2021

O JOGO

A partida começou equilibrada, porém, com a garotada do Botafogo ligeiramente melhor devido ao volume imposto. Já o Sport conseguiu administrar a pressão inicial e impôs uma boa marcação. Na direita, o lateral e capitão Patric começou cedendo espaço, como também não estava bem no apoio ao ataque, errando muitos passes.

Chegando perto da metade do primeiro tempo, o Leão conseguiu assumir o controle do confronto. Trabalhando as jogadas sob a maestria do meia Thiago Neves, conseguiu criar as primeiras investidas. E, se em outros jogos, o árbitro de vídeo (VAR) causou polêmica contra o Sport, desta vez, favoreceu os rubro-negros.

O volante Marcão acertou um chutaço de fora da área e a bola bateu na mão do meio-campista Romildo dentro da grande área. O árbitro Luiz Flávio de Oliveira não enxergou o pênalti inicialmente, mas, depois de contar com o auxílio do VAR, marcou a penalidade.

Aos 23 minutos, o zagueiro e cobrador oficial Maidana foi para a batida. Concentrado, com olhar fixo para Diego Loureiro, deslocou o goleiro e abriu o placar para o time pernambucano. O sexto gol dele com a camisa vermelha e preta, o sétimo na temporada, do artilheiro do Sport no Brasileirão.

Depois de mexer no marcador, o time do técnico Jair Ventura ainda teve espaço, mas não conseguiu transformar em lances perigosos. Já o Botafogo tentou ameaçar o Sport, no entanto, esbarrou na boa marcação rubro-negra. O Leão induziu o time carioca a jogar a bola na área, que facilmente era afastada pela dupla de zaga Maidana e Adryelson.

Na etapa final, o Sport desde o primeiro minuto se fechou e apenas observou o Botafogo jogar e pressionar a cada minuto. Mas o time carioca não é o lanterna e já rebaixado à toa. Por causa da falta de qualidade do adversário na conclusão das jogadas, o atacante Dalberto, que salvou o Leão duas vezes, e o goleiro Luan Polli, o time rubro-negro não perdeu três pontos importantíssimos. O único lance de ataque dos pernambucanos foi uma cabeçada de Dalberto após escanteio.

FICHA DO JOGO - BOTAFOGO 0X1 SPORT

Botafogo - Diego Loureiro; Kevin, Sousa, Kanu e Victor Luís (Hugo); Caio Alexandre, Zé Welison e Romildo (Matheus Babi); Matheus Nascimento (Lecaros), Cesinha e Rafael Navarro (Kalou). Técnico: Eduardo Barroca.

Sport - Luan Polli; Patric, Maidana, Adryelson e Júnior Tavares (Sander); Marcão, Betinho (Márcio Araújo) e Thiago Neves (Luciano Juba); Ewerthon (Rafael Thyere), Marquinhos (Raul Prata) e Dalberto. Técnico: Jair Ventura.

Local: Engenhão, Rio de Janeiro.
Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira (SP).
Assistentes: Miguel Cataneo Ribeiro da Costa e Daniel Luís Marques (ambos do SP).
Gol: Maidana aos 23 minutos do 1º tempo.
Cartões amarelos: José Welison (Botafogo). Betinho, Ewerthon e Raul Prata (Sport).

Comentários

Últimas notícias