evento

Together At Home: festival de música mundial une artistas globais para combater o coronavírus

Com curadoria de Lady Gaga, o evento One World: Together At Home promovido pela OMS e pela ONG Global Citizen busca arrecadar fundos para combater a pandemia do covid-19

Manuela Figuerêdo
Manuela Figuerêdo
Publicado em 11/04/2020 às 18:45
Notícia
Reprodução
O evento acontecerá no dia 18 de abril - FOTO: Reprodução
Leitura:

Durante a pandemia do coronavírus, diversas iniciativas têm sido criadas para levar música e incentivar todas as pessoas - que podem - a ficar em casa. Lives dos mais variados estilos musicais tem animado pessoas na quarentena. Dessa vez, uma iniciativa de escala global chamou atenção. Com curadoria de Lady Gaga, a ONG Global Citizen e a Organização Mundial da Saúde (OMS) anunciaram um festival de música online chamado One World: Together At Home. O festival irá ao ar no sábado, 18 de abril, das 20:00 às 22:00 na NBC, CBS e ABC nos Estados Unidos. No dia seguinte, 19 de abril, vai ser transmitido pela BBC One no Reino Unido. Será uma série de shows, transmitidos ao vivo, também em diversas canais, como YouTube, Facebook, Instagram e Twitter, além de plataformas de streaming.

O evento se assemelha a proposta de festivais como o Live Aid, em 1985, reunindo estrelas do rock, como Queen, David Bowie e Led Zeppelin, em um concerto beneficente para acabar com a fome na Etiópia. Com um propósito também humanitário, mas em um formato um pouco diferente pelo isolamento social, a motivação do Together At Home é arrecadar fundos para combater o novo coronavírus. De acordo com a curadora Lady Gaga, os valores arrecadados irão beneficiar profissionais de saúde e instituições de caridade locais e regionais que oferecem comida, abrigo e assistência médica àqueles que precisam de ajuda. As contribuições de parceiros corporativos serão enviadas diretamente ao Fundo de Resposta à Solidariedade da OMS para apoiar e equipar esses profissionais.

Segundo o site do Global Citizen, Together At Home começou como uma ativação virtual para unir a humanidade em um momento em que muitos podem se sentir isolados em casa. Ao mesmo tempo, procura homenagear agentes da saúde que estão na linha de frente se expondo nessa batalha. "Ao honrarmos e apoiarmos os esforços heróicos dos agentes comunitários de saúde, 'One World: Together At Home' visa servir como fonte de unidade e incentivo na luta global pelo fim do covid-19”, explica o CEO da Global Citizen, Hugh Evan. Por meio da música, entretenimento e impacto, o elenco global ao vivo celebrará “aqueles que arriscam sua própria saúde para proteger a todos os outros”.

Atrações

A setlist conta com diversos artistas renomados por todo o mundo. Entre eles, Rolling Stones, Alanis Morissette, Andrea Bocelli, Billie Eilish, Billie Joe Armstrong, Burna Boy, Chris Martin, David Beckham, Eddie Vedder, Elton John, FINNEAS, Idris e Sabrina Elba, J Balvin, John Legend, Kacey Musgraves, Keith Urban, Kerry Washington, Lang Lang, Lizzo, Maluma, Paul McCartney, Priyanka Chopra Jonas, Shah Rukh Khan e Stevie Wonder e a própria Lady Gaga. Os apresentadores do evento serão Jimmy Fallon, do “The Tonight Show”; Jimmy Kimmel, do “Jimmy Kimmel Live”; e Stephen Colbert, do “The Late Show with Stephen Colbert”.

Veja o vídeo sobre o evento

Global Citizen

Segundo o site da instituição, Global Citizen é um movimento de cidadãos engajados que usam sua voz coletiva para acabar com a pobreza extrema. Por meio de conteúdos e eventos, organização de base e uma plataforma de ação, buscam construir campanhas globais massivas para ampliar suas iniciativas. Co-fundada por Hugh Evans, Simon Moss e Wei Soo em 2008, a Global Citizen está sediada em Nova York, com escritórios no Canadá, África do Sul, Austrália, Alemanha e Reino Unido.

No site do Global Citizen, há uma chamada para um convite muito importante, juntamente com a divulgação do festival: tornar-se um cidadão global, ao se comprometer em ficar em casa. Para participar da causa, o usuário pode apertar no botão de “tomar uma atitude”, isto é, fazer parte daqueles que estão no confinamento por saberem da gravidade da nova pandemia. “O primeiro passo: parar a propagação do vírus. Isso significa manter a si e aos outros seguros, ficando fora do público o máximo que puder. Aceite o compromisso: como cidadão global, estou em casa!”, diz a mensagem.

Para se tornar um cidadão global, também, é possível baixar o aplicativo Global Citizen ou visitar o site e se registrar. Depois de ingressar no Global Citizen, você pode executar ações como assinar petições, compartilhar mensagens nas mídias sociais, escrever cartas para políticos, entre outras ações. A cada ação realizada, o usuário ganha pontos que pode resgatar por prêmios, como conteúdo digital, produtos de beleza, mercadorias e muito mais. De acordo com a ONG, a comunidade realizou mais de 24 milhões de ações, o que resultou em compromissos e anúncios de políticas de líderes avaliados em mais de US $ 48 bilhões, afetando a vida de mais de 2,25 bilhões de pessoas até 2030.

“Nós publicamos, twittamos, enviamos mensagens, votamos, assinamos e chamamos para inspirar aqueles que podem fazer as coisas agirem - líderes governamentais, empresas, filantropos, artistas e cidadãos - juntos, melhorando vidas”, afirma a instituição.

O que é coronavírus?

Coronavírus é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus foi descoberto em 31/12/19 após casos registrados na China.Os primeiros coronavírus humanos foram isolados pela primeira vez em 1937. No entanto, foi em 1965 que o vírus foi descrito como coronavírus, em decorrência do perfil na microscopia, parecendo uma coroa.

A maioria das pessoas se infecta com os coronavírus comuns ao longo da vida, sendo as crianças pequenas mais propensas a se infectarem com o tipo mais comum do vírus. Os coronavírus mais comuns que infectam humanos são o alpha coronavírus 229E e NL63 e beta coronavírus OC43, HKU1.

Como prevenir o coronavírus?

O Ministério da Saúde orienta cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o coronavírus. Entre as medidas estão:

  • Lavar as mãos frequentemente com água e sabonete por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização. Se não houver água e sabonete, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool.
  • Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas.
  • Evitar contato próximo com pessoas doentes.
  • Ficar em casa quando estiver doente.
  • Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo.
  • Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com freqüência.
  • Profissionais de saúde devem utilizar medidas de precaução padrão, de contato e de gotículas (mascára cirúrgica, luvas, avental não estéril e óculos de proteção).

Para a realização de procedimentos que gerem aerossolização de secreções respiratórias como intubação, aspiração de vias aéreas ou indução de escarro, deverá ser utilizado precaução por aerossóis, com uso de máscara N95.

Confira o passo a passo de como lavar as mãos de forma adequada

 

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias