curiosidade

Saiba o que é um bunker, local utilizado por Trump e outras figuras políticas

Conheça bunkers famosos que foram ou poderiam ser usados por políticos na história

JC
JC
Publicado em 01/06/2020 às 9:38
Notícia

Reprodução
Reconstituição do bunker de Hitler - FOTO: Reprodução
Leitura:

Com informações da Revista Super Interessante

Palco dos últimos dias de morte de Hitler na Alemanha nazista em ruínas, o bunker foi recentemente esconderijo do presidente Donald Trump em meio aos protestos que acontecem há cinco dias contra o racismo e a morte de George Floyd pela polícia americana, em frente à Casa Branca. Com uso à tona, vale saber: para que serve um bunker? 

O bunker, que é subterrâneo, se faz útil principalmente em guerras ou desastres na superfície. Ele deve estar no mínimo a dois metros de profundidade e para garantir sua resistência no subsolo, sua estrutura precisa ser feita com concreto armado e vergalhões de aço. Nesse espaço, as pessoas se escondem do mundo exterior, o que pode levar dias ou meses. Para poupar espaço, um único ambiente – que deve ter pelo menos 20 metros quadrados, comportando, assim, seis pessoas – serve como área de dormitório, alimentação e lazer.

Utilização do bunker

A ventilação ocorre por meio de um respiradouro simples, parecido com um snorkel de mergulhador, ou por meio de um sistema de ar condicionado. Seja como for, o ar é distribuído através de dutos de concreto, enquanto saídas de ar junto ao teto mandam o ar para fora. Já energia chega através de uma ligação comum com a superfície, entretanto, pela dificuldade disso, é importante que que o bunker tenha autonomia energética. Isso é garantido por meio de geradores – a diesel, gasolina ou gás natural – ou de baterias modulares de 1 500 watts.

Na ausência de geladeira, que consume muita energia, a estratégia para se alimentar é usar produtos não perecíveis, como enlatados, leite em pó, sal, mel, frutas secas e até comida de bebê. Quanto à água, consumida moderadamente, uma caixa-d’água de mil litros dura cerca de um mês para seis pessoas. O reaproveitamento é crucial. A água usada na limpeza deve ser a mesma do banho, que seria semanal, por exemplo.

O lixo é acondicionado em sacos de polietileno e, então, colocado num contêiner com vedação para reter odores. Para o saneamento, usa-se uma fossa séptica ligada aos ralos das pias, banheiro e vaso sanitário. Essa fossa, com capacidade mínima de mil litros, fica num nível mais baixo, a pelo menos 3 m do bunker. Outra curiosidade: celular não serve no bunker. A comunicação com o mundo externo funciona apenas com fiação, como a linha telefônica comum. Um esconderijo moderno pode contar com antenas retráteis de rádio e de satélite.

Bunkers famosos

Um dos bunkers mais conhecidos foi onde Hitler se matou. O espaço funcionou como centro de comando e abrigou seus assessores mais próximos enquanto o Exército soviético avançava sobre Berlim, durante a Segunda Guerra Mundial (1939-1945). O complexo subterrâneo, que eram dois bunkers conectados, ficavam a cerca de oito metros da superfície.

 

William Vandivert—Time & Life Pictures/Getty Images
Bunker de Hitler parcialmente queimado - William Vandivert—Time & Life Pictures/Getty Images
William Vandivert—Time & Life Pictures/Getty Images
A saída do bunker para o jardim da Chancelaria - William Vandivert—Time & Life Pictures/Getty Images
Reprodução
Reconstituição do bunker de Hitler - Reprodução

Outro bunker conhecido foi o de Saddam Hussein, condenado à morte em 2006, no subsolo do palácio presidencial. Com três andares, o complexo acomoda até 100 pessoas e tem dois túneis de fuga. De acordo com seu projetista, o bunker é capaz de aguentar o choque de um impacto nuclear com a mesma potência da bomba de Hiroshima.

Esconderijo de Trump

De acordo com o jornal 'The New York Times', o Serviço Secreto tomou a decisão de esconder Donald Trump no bunker quando centenas de manifestantes se aproximaram da Casa Branca. O presidente passou quase uma hora esconderijo, localizado nos subsolos da sede do governo norte-americano, projetado para ser usado em casos de emergências, como em atos de terrorismo.

 

Foto: Reprodução/Google Maps
Casa Branca, em Washington - Foto: Reprodução/Google Maps

AFP
Protestos em frente à Casa Branca - AFP
Reprodução/Twitter/@beatrizbulla
Manifestantes cercam Casa Branca e pedem pelo fim da violência policial - Reprodução/Twitter/@beatrizbulla

O jornalismo profissional precisa do seu suporte.

Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias