SOI

Grécia cria acampamento temporário para receber refugiados que vivem nas ruas

Desde junho mais de 11 mil refugiados foram ameaçados de expulsão do país

AFP
AFP
Publicado em 19/11/2020 às 16:45
Notícia
Freepik
A Grécia vem trabalhando para abrigar os refugiados - FOTO: Freepik
Leitura:

A prefeitura de Atenas assinou um acordo com o governo e a Organização Internacional para as Migrações (OIM) nesta quinta-feira para criar um acampamento temporário para abrigar refugiados que estão nas ruas.

Desde meados do ano, cem refugiados acamparam no centro da capital grega.

A última lei de refúgio, votada em novembro de 2019, reduziu drasticamente o período durante o qual o abrigo para refugiados é assumido após a obtenção do asilo. Esse período, que antes era de seis meses, agora é de um mês.

Os refugiados não podem ficar em campos e apartamentos financiados pela UE ao abrigo do programa de abrigo da ESTIA, gerido pelo Alto Comissariado para os Refugiados (ACNUR).

Desde junho, mais de 11.200 refugiados foram ameaçados de expulsão na Grécia, de acordo com o Ministério da Migração. Alguns foram levados para campos, outros encontraram soluções por conta própria, mas outros permaneceram nas ruas.

O prefeito de Atenas decidiu criar uma estrutura de 500 vagas para refugiados que já obtiveram asilo.

De acordo com o acordo firmado quinta-feira, o Ministério das Migrações financiará a estrutura, a prefeitura de Atenas cuidará da construção próxima ao acampamento de Elaionas, bem como das necessidades (eletrificação, limpeza, etc), e a OIM cuidará do local .

mr/chv/avz/eg/mb/cc

 

Últimas notícias