Europa

Dançarino brasileiro é morto durante briga de trânsito na Holanda

Marcus Coelho, de 45 anos, vivia no país europeu há 20 anos

Do jornal Correio para a Rede Nordeste
Do jornal Correio para a Rede Nordeste
Publicado em 21/07/2021 às 13:00
Notícia
Reprodução
O mineiro de Coronel Fabriciano foi morto depois de uma briga de trânsito - FOTO: Reprodução
Leitura:


O dançarino Marcus Coelho, de 45 anos, foi assassinado a facadas em Amsterdã, na Holanda, no domingo (18). Fabrício vivia na Holanda há 20 anos. Ele deixa dois filhos. A matéria é do jornal Correio para a Rede Nordeste.

O mineiro de Coronel Fabriciano foi morto depois de uma briga de trânsito. Segundo a imprensa local, a polícia foi chamada por volta de meia-noite para separar uma briga de trânsito envolvendo um motorista em um carro e motociclistas. Eles já encontraram Marcus ferido a facadas. Socorrido para um hospital, ele acabou morrendo.

As testemunhas apontaram dois homens como suspeitos, que seriam os motociclistas envolvidos no caso - Marcus dirigia o carro. Um terceiro, achado ferido próximo do local do crime, foi socorrido e detido, mas até agora não se sabe exatamente qual foi sua participação.

A investigação foi aberta para determinar exatamente o que aconteceu - também será analisado se provocações racistas e xenofóbicas aconteceram.

Marcus dava aulas de dança e trabalhava com propaganda na cidade. Provavelmente o velório e o enterro vão acontecer na Holanda.

Comentários

Últimas notícias