Emergência

Explosão de gás deixa três mortos e vários feridos no nordeste da China

Explosão ocorreu na manhã de quinta-feira em uma rua residencial com vários estabelecimentos comerciais

AFP
AFP
Publicado em 21/10/2021 às 8:40
STR / AFP
Explosão de gás em restaurante deixou mortos e feridos na China - FOTO: STR / AFP
Leitura:

Uma explosão de gás em um restaurante em uma rua movimentada da cidade de Shenyang, no nordeste da China, deixou pelo menos três mortos e dezenas de feridos, noticiaram veículos estatais.

Um vídeo compartilhado nas redes sociais pelo jornal People's Daily mostra vários edifícios com as janelas quebradas em uma rua empoeirada e com escombros na capital da província de Liaoning.

A explosão ocorreu na manhã de quinta-feira em uma rua residencial com vários estabelecimentos comerciais, reportou a agência estatal Xinhua.

Equipes de emergência encontraram três pessoas mortas e pelo menos 30 feridos, segundo o People's Dalily.

As autoridades investigam a origem da explosão, enquanto os trabalhos de resgate continuam, acrescentou.

Os investigadores "determinaram de forma preliminar que a explosão ocorreu em um edifício comercial e residencial", informou o serviço de emergências de Liaoning em mensagem nas redes sociais.

Imagens exibidas por este serviço mostram membros da equipe de resgate protegidos com capacetes e rodeados por escombros.

As explosões de gás são frequentes na China devido aos pobres padrões de segurança e à vigilância escassa.

Em junho, 25 pessoas morreram e centenas ficaram feridas na explosão de uma tubulação de gás em um complexo residencial na província de Hubei (centro).

Oito pessoas, entre elas o diretor-geral da companhia proprietária da tubulação, foram detidas posteriormente pelas autoridades por práticas pouco seguras e graves defeitos na instalação.

STR / AFP
As autoridades investigam a origem da explosão - FOTO:STR / AFP
STR / AFP
Equipes de emergência encontraram três pessoas mortas e pelo menos 30 feridos - FOTO:STR / AFP
STR / AFP
Explosão de gás acidental aconteceu na quinta-feira em um restaurante de Shenyang - FOTO:STR / AFP

Últimas notícias