ABANDONO

Trinta cachorros são abandonados em imóvel no Centro do Recife

A maioria dos cachorros tem anemia e doenças de pele

Thalis Araújo
Thalis Araújo
Publicado em 11/03/2020 às 18:32
Notícia
HUMBERTO LEÃO
Os animais foram encontrados com doenças de pele e anemia - HUMBERTO LEÃO
Leitura:

Um cenário de horror. Foi assim que comerciantes e moradores da Rua Velha, no Centro do Recife, encontraram um imóvel abandonado no local. Nele, 30 cachorros foram localizados. Os animais estavam com fome e sede. A grande maioria deles com doenças de pele e anemia.

O fato foi levado em forma de denúncia a uma vereadora que é ativista da causa animal. Goretti Queiroz (PSB) relata que estava indo para uma reunião quando soube da notícia. "Na hora, não tive dúvida. Entrei em contato com a minha equipe e iniciamos uma força tarefa no local. No mesmo dia, estive na casa e levei mais de 50kg de ração, além de atendimento de veterinários voluntários para os animais", afirmou.

Testemunhas enviaram uma denúncia para a Delegacia de Polícia do Meio Ambiente (Depoma) e estão aguardando o desfecho do caso. De acordo com os comerciantes, os cachorros foram deixados no imóvel por uma senhora que mora no entorno.

"É importante que as pessoas denunciem esse tipo de caso. Quando entramos no local, nos deparamos com os animais em uma situação deplorável. Todos magros, com doenças de pele, anêmicos, sem força até para andar. Sem falar que a casa está suja, com fezes e urina dos cães em todo o local", explicou a vereadora.

Desde o momento que soube do caso, Goretti realizou o resgate de dez animais. Eles foram encaminhados para clínicas veterinárias parceiras. Três desses cães já estão disponíveis para adoção. A equipe da vereadora encaminhou, também, na tarde da última segunda-feira (09), dois dos animais para o Centro de Vigilância Ambiental para que haja o início do tratamento médico.

Por meio da Secretaria Executiva de Direito dos Animais (SEDA-PE), a Prefeitura do Recife esteve no local. Juntas, entregaram uma notificação ao dono do galpão. De acordo com a Prefeitura, os bichos devem ser removidos do local e serão levados para uma ONG, com o apoio do CVA (remoção e transporte) e da SEDA (cuidados clínicos, vacinas e todos os procedimentos necessários de saúde no Hospital Veterinário do Recife).

Goretti Queiroz fez um apelo à população, para que as pessoas possam ajudar aos cachorrinhos com lares provisórios. Os animais também precisam de mais alimentação. "Estamos desde a semana passada colocando a mão na massa e cuidando desses cães, mas precisamos que as pessoas nos ajudem com lar temporário e doação de ração para esses animais. Eu vou cobrar, claro, da Prefeitura um trabalho no local para a retirada imediata desses cães. Infelizmente, não conseguirei ajudar todos sozinha. Preciso de ajuda", explicou.

Solidariedade

Caso você se interesse em ajudar os cachorrinhos com alimentação ou um lar temporário, entre em contato com o Lucas Menezes. As ajudas poderão ser entregues a ele. Lucas reside na Rua Velha. A população também pode entrar em contato com ele pelo (81) 9.9739-5667.

Comentários

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias