Incentivo

Instituto cria 'casinha de livros' compartilhados de graça; veja como funciona

O intuito é que o tempo "perdido" nas paradas de ônibus possa ser aproveitado para expandir e compartilhar conhecimento através dos livros

Douglas Hacknen
Douglas Hacknen
Publicado em 11/03/2020 às 18:48
Notícia
DIVULGAÇÃO
Livros podem ser deixados no local - FOTO: DIVULGAÇÃO
Leitura:

Foi instalada na parada de ônibus localizada no estacionamento do Shopping Guararapes, no bairro de Piedade, em Jaboatão dos Guararapes, Região Metropolitana do Recife, uma ‘casinha de livros’ com o intuito de incentivar a leitura dos usuários de transporte público. O local tem capacidade de abrigar aproximadamente 20 livros e o público em geral, que estiver no local, poderá escolher, levar e devolver os livros que estão na casinha, além de poder deixar algum livro que queira repassar.

>> Gatinha com Síndrome de Down ganha livro escrito por tutores sobre inclusão

A ação é uma iniciativa do Instituto Peró, instituição mantida pelos empreendedores do Shopping Guararapes. A ideia é que a casa de livros fique no local por tempo indeterminado. “Acreditamos que, com isso, possamos mostrar a importância dos livros às pessoas e despertar nelas o prazer pela leitura literária, para que, assim, a parada de ônibus não se torne apenas um momento de espera, mas de prazer em ler”, afirmou Willams Alves, responsável pela Biblioteca Peró. Ele ainda pediu para que os passageiros que passarem pelo local deixem livros na casinha.

O ator de 26 anos, Aurélio Lima, considerou que ação é importante para incentivar tanto a leitura quanto a cultura da população. “Muitas vezes nós gastamos tempo fazendo coisas que não somam com nossa parte intelectual e a casinha de livros pode despertar o interesse das pessoas em ler. Com certeza, quando estiver por aqui, vou lembrar da casinha e participar doando livros”, comenta.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias