Tecnologia

Plataformas digitais unem famílias durante a pandemia do novo coronavírus no Dia das Mães

Governo de Pernambuco criou uma plataforma para possibilitar a comunicação de pacientes internados por conta da covid-19

Douglas Hacknen
Douglas Hacknen
Publicado em 10/05/2020 às 20:09
Notícia
DIVULGAÇÃO
Videochamada durante o Dia das Mães - FOTO: DIVULGAÇÃO
Leitura:

Sem encontros presenciais, por conta da pandemia do novo coronavírus (covid-19), o Dia das Mães em 2020 teve que ser diferente de anos anteriores. Mães e filhos internados em hospitais, em decorrência da doença, puderam matar a saudade através de uma plataforma disponibilizada pelo Governo de Pernambuco. O programa Visita.com tem o intuito de minimizar os efeitos do isolamento levando tablets e modems para as unidades da rede estadual de saúde para possibilitar o contato de familiares e pacientes por meio de videoconferências.

O programa foi criado na semana passada, e neste domingo (10), ajudou a transformar o Dia das Mães das famílias dos pacientes. Os equipamentos eletrônicos foram doados ao Estado por parceiros do setor privado.

Um dos beneficiados foi o fisioterapeuta Wagner Soares, que está de plantão na UTI do setor de queimados do Hospital da Restauração e pôde conversar com a sua mãe, Maria de Fátima Rodrigues da Silva, que está sendo tratada da covid-19, desde a última sexta-feira (8), no Hospital Dom Helder Câmara, no Cabo de Santo Agostinho, Grande Recife.

“A gente tá distante, preocupado mas, ao mesmo tempo, tá conectado. Essa surpresa foi interessante. Dá um alento pra quem tá distante, sem poder acompanhar o dia a dia, sem poder tá visitando", disse o fisioterapeuta.

Segundo o secretário André Longo, a situação de pandemia pela covid-19 impôs restrições duras para visitantes e acompanhantes. "No entanto, a interação social, além de humanizar o atendimento hospitalar, é, sem sombra de dúvidas, de suma importância para contribuir na recuperação dos pacientes. Neste Dia das Mães, pudemos colocar a tecnologia à serviço do afeto e das famílias”, destaca.

Funase

Na Funase, socioeducandos também puderam amenizar a saudade das mães por videochamadas. Os adolescentes e jovens da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) utilizaram plataformas digitais para se comunicar com as famílias neste Dia das Mães. O recurso, que começou a ser testado em abril, como um projeto-piloto em Caruaru, no Agreste, atualmente funciona em todas as 15 unidades de internação provisória de Pernambuco.

O Dia das Mães que costumava ser marcado por festividades nas unidades da Funase, teve sua rotina alterada, mas mesmo com a distância física, os socioeducandos puderam transmitir as mensagens virtualmente. A instituição informou que todas as videochamadas têm ocorrido de forma supervisionada, a partir de computadores da instituição.

DIVULGAÇÃO
Videochamada no dia das mães - FOTO:DIVULGAÇÃO
DIVULGAÇÃO
Videochamada durante o Dia das Mães - FOTO:DIVULGAÇÃO

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias