Saúde animal

Hospital Veterinário do Recife volta a fazer castrações

O agendamento deve ser feito de maneira online, nesta quarta (16) e quinta-feira (17)

Jorge Nunes
Jorge Nunes
Publicado em 14/09/2020 às 15:49
Notícia

Pixabay
As cirurgias podem enfim voltarem a ser realizadas depois de parada por conta do novo coronavírus - FOTO: Pixabay
Leitura:

O Hospital Veterinário do Recife, no bairro do Cordeiro, voltará a fazer as cirurgias de castração em cães e gatos. O agendamento poderá ser feito nesta quarta (16) ou quinta-feira (17). Todo o procedimento é gratuito. 

Segundo a prefeitura do Recife, as cirurgias acontecerão a partir desta sexta-feira (18), obedecendo a ordem de agendamento feita pelo tutor do cachorro ou do gato. Para que seja realizada a castração, é necessário que o tutor do animal, tenha em mãos comprovante de residência no Recife, documento de identificação com foto e o pet deve estar em jejum de 12 horas, tanto de comida, quanto de água.

Para agendar a castração do seu bichinho, basta acessar o site ou ligar para 3224-3001,3224-4001, e 3446-9808, das 09h às 13h. O agendamento poderá ser feito nesta quarta (16) e quinta-feira (17).

Cachorro sofre maus tratos em Petrolina

"Esse é um serviço muito procurado aqui no Hospital e estava suspenso desde março devido à pandemia da covid-19. Agora em setembro, vamos disponibilizar 300 vagas para castração e depois, voltaremos a fazer cerca de 1000 castrações mensais. A partir de outubro, os agendamentos serão abertos nos dois primeiros dias úteis do mês.", explica Carlos Augusto Steinen, secretário-executivo dos Direitos dos Animais do Recife.

Desde sua inauguração em 2017, o Hospital Veterinário do Recife contabilizou cerca de 19 mil castrações. Também foram feitos mais de 81 mil procedimento no hospital. O hospital é o primeiro do Norte/Nordeste, se tornando referência para outros estados.

 

O jornalismo profissional precisa do seu suporte.

Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias