Prisão

Idoso é preso após colidir carro com agência bancária e tentar incendiar o local em Limoeiro, no Agreste de Pernambuco

A motivação seria uma dívida cobrada pelo banco. Caso aconteceu na madrugada desta sexta-feira (30)

Bruna Oliveira
Cadastrado por
Bruna Oliveira
Publicado em 30/07/2021 às 15:12
WHATSAPP/TV JORNAL INTERIOR
Homem tentou incendiar agência do Santander de Limoeiro - FOTO: WHATSAPP/TV JORNAL INTERIOR
Leitura:

Com informações da Rádio Jornal Interior

Um homem de 61 anos foi preso pela Polícia Militar de Pernambuco (PMPE), na madrugada desta sexta-feira (30), enquanto tentava invadir e atear fogo em uma agência do banco Santander, localizada no município de Limoeiro, no Agreste do Estado. Na ocasião, ele colidiu, de forma proposital, seu veículo com a porta de entrada da agência.

De acordo com a Polícia Militar, uma equipe realizava a Operação Madrugada Segura quando se deparou com o veículo parcialmente dentro do banco. No interior da agência, o homem, aparentemente descontrolado, estava portando coquetéis molotov - bombas incendiárias de fabricação caseira - e gritava que "iria colocar fogo no banco, porque eles haviam tomado seu carro".

WHATSAPP/TV JORNAL INTERIOR
Homem tentou incendiar agência do Santander de Limoeiro - WHATSAPP/TV JORNAL INTERIOR
WHATSAPP/TV JORNAL INTERIOR
Homem tentou incendiar agência do Santander de Limoeiro - WHATSAPP/TV JORNAL INTERIOR
WHATSAPP/TV JORNAL INTERIOR
Homem tentou incendiar agência do Santander de Limoeiro - WHATSAPP/TV JORNAL INTERIOR
WHATSAPP/TV JORNAL INTERIOR
Homem tentou incendiar agência do Santander de Limoeiro - WHATSAPP/TV JORNAL INTERIOR
WHATSAPP/TV JORNAL INTERIOR
Homem tentou incendiar agência do Santander de Limoeiro - WHATSAPP/TV JORNAL INTERIOR

Os policiais pediram para o homem desistir da ação, mas, como ele teria se negado, os oficiais fizeram o uso de bombas de efeito moral e gás lacrimogênio. Ao sair do local, o homem foi preso pela polícia e levado para a delegacia de Limoeiro.  Em nota, o Sindicato dos Bancários de Pernambuco confirmou, que pelo horário do ocorrido, "não havia trabalhadores no local". 

Já o Santander disse que atua para identificar a ocorrência e adotar as providências necessárias. "A Instituição está colaborando com as investigações e aguarda orientações para a reabertura segura, tanto da agência quanto do autoatendimento, o mais breve possível", disse o banco também através de nota.



Comentários

Últimas notícias