SOLIDARIEDADE

ONG arrecada alimentos, livros e brinquedos para famílias em vulnerabilidade social

Meta é distribuir mais de mil cestas para o Natal de famílias em vulnerabilidade social

Paloma Xavier
Paloma Xavier
Publicado em 14/12/2021 às 23:31
DIVULGAÇÃO
A ONG Paratodos está arrecadando alimentos, livros e brinquedos para famílias pernambucanas em situação de vulnerabilidade - FOTO: DIVULGAÇÃO
Leitura:

Com o fim do ano chegando, correntes de solidariedade começam a surgir para levar esperança a famílias em vulnerabilidade social por todo o país. Para ajudar a enfrentar o cenário agravado pela pandemia e crise econômica, em Pernambuco, a ONG Paratodos lançou campanha de Natal para arrecadar mais de mil cestas personalizadas com alimentos, livros e brinquedos. As doações vão até o dia 22 de dezembro.

Dentre as instituições a serem contempladas com as doações, estão: Lar de Maria, Associação de Apoio à Pessoa com Deficiência e Comunidade São João Batista, em Jaboatão dos Guararapes; o Instituto Dom de Deus, em Vitória de Santo Antão; a Comunidade Quilombola Onze Negras, no Cabo de Santo Agostinho; o Centro Espírita Zita Lustosa (CEZIL) e Projeto Reviver do Centro de Integração Social e Cultural José Cantarelli, em Belém do São Francisco; Amigos no Sertão, no Sertão pernambucano; e o Centro de Integração Social Fraternidade Espírita Francisco Peixoto Lins, a Peixotinho, em Boa Viagem.

Também é possível doar quantias via PIX, através do CNPJ da ONG Paratodos (37.370.455/0001-09). O dinheiro arrecadado será utilizado para a compra dos itens da cesta. Para conhecer essas e outras ações da instituição, o doador pode acessar o site da instituição.

Os itens arrecadados serão doados para as instituições parceiras. As entidades serão responsáveis pela montagem dos kits e distribuição nas comunidades assistidas por elas.

"Estabelecemos a meta de pelo menos mais de mil cestas para o ano de 2021, porque nos reunimos com nossos parceiros e eles apontaram a quantidade almejada. Há muita gente precisando de doações e quanto mais pudermos pulverizar essa distribuição, melhor será. Com essa ação, levaremos cestas básicas, livros e brinquedos do Litoral ao Sertão de Pernambuco. Mais do que nunca precisamos nos unir, para ajudarmos uns aos outros a enfrentar as desigualdades que se agravaram ainda mais por causa da pandemia", afirma a presidente da ONG Paratodos, Marina Maciel.

Comentários

Últimas notícias