Governo Federal

Apesar de 'carta branca', Bolsonaro diz que pode vetar indicações de Regina Duarte

O presidente Jair Bolsonaro falou de forma velada sobre o assunto em discurso de posse de Regina Duarte

Gabriela Carvalho
Gabriela Carvalho
Publicado em 04/03/2020 às 13:55
Notícia
MARCOS CORRÊA / PR
Regina foi empossada como Secretária de Cultura nesta quarta-feira (4) - FOTO: MARCOS CORRÊA / PR
Leitura:

Em discurso na posse de Regina Duarte como nova Secretária da Cultura, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) fez declarações veladas sobre a autoridade que a atriz terá para nomeações enquanto trabalha na pasta.

>> Regina Duarte se emociona e fala em ‘pacificação’ na Cultura em discurso de posse

>> Após demitir bolsonaristas, Regina Duarte é criticada por Olavo de Carvalho

Regina, ao assumir formalmente o cargo, nesta quarta-feira (4), afirmou que aceitou o convite porque recebeu a sinalização de que teria "carta branca" para escolher a equipe e que a Secretaria teria "porteira fechada" para nomeações políticas. "Não vou esquecer, não, hein, presidente"?", brincou a atriz.

>> Regina Duarte é nomeada secretária especial da Cultura

Após fala da secretária, Bolsonaro afirmou que "todos os ministros também receberam os ministérios com porteiras fechadas", mas que "logicamente, em alguns momentos, o presidente pode exercer poder de veto de alguns nomes".

>> Regina Duarte diz 'sim' a Bolsonaro e assume Secretaria Especial de Cultura

Bolsonaro frisou que vetar "não é perseguir ninguém", mas sim "colocar os ministérios, as secretarias na direção que foi tomada pelo chefe do Executivo", disse o presidente.

Jair declarou, ainda, que Regina "merece mais" do que a secretaria, mas que a atriz vai passar por um "momento probatório", em uma sinalização que poderia eventualmente recriar o Ministério da Cultura.

Críticas

No dia de sua posse, Regina começou a sofrer críticas após demissões de nomes indicados pelo "guru" de Jair Bolsonaro, Olavo de Carvalho. A hashtah #ForaRegina alcançou o primeiro lugar entre os assuntos mais comentados do Twitter brasileiro na manhã desta quarta-feira. Os críticos da atriz a acusam de ser um "cavalo de Troia" e "esquerdista" por, entre outras coisas, tirar nomes ligados ao ideólogo Olavo de Carvalho.

>> Após demitir bolsonaristas, Regina Duarte é criticada por Olavo de Carvalho

Trecho do discurso

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias